Presidente do júri do Festival de Cannes, Nanni Moretti, diz que não gostou de "O Artista", um 'filme fácil'

Los Angeles

  • AP

    O ator e diretor Nanni Moretti no Festival de Cannes (14/05/11)

    O ator e diretor Nanni Moretti no Festival de Cannes (14/05/11)

O futuro presidente do júri do Festival de Cannes, que acontecerá de 16 a 27 de maio, o cineasta italiano Nanni Moretti declarou à AFP que não ter muito apreço pelo filme francês "O Artista", grande vencedor dos principais festivais internacionais de 2011 e ganhador de cinco estatuetas do Oscar 2012. Segundo ele, trata-se de "um filme fácil".

"Pessoalmente, não compartilho do entusiasmo geral quanto a este filme, "O Artista". Eu acho que é um filme fácil", declarou o cineasta, indagado sobre as diferenças entre os filmes selecionados para Cannes e os que disputam o Oscar. O premiado filme de Michel Hazanavicius se encontra justamente nas duas categorias.

Na Croisette, a seleção dos vencedores, segundo ele, depende do júri, que muda a cada ano. "Este não é o caso do Oscar, porque os membros da Academia são os mesmos todos os anos", acrescentou em entrevista por telefone à AFP.

"Em qualquer festival sério, o que importa são os filmes e os gostos do júri. No entanto, no Oscar, sinto que as estratégias de marketing e distribuição são essenciais", acrescentou o diretor.



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos