Roteirista de "Pulp Fiction" fará adaptação de romance policial de William Faulkner

Da Redação

  • Divulgação

    Cena de "Pulp Fiction - Tempo de Violência"

    Cena de "Pulp Fiction - Tempo de Violência"

O roteirista Roger Avary fará adaptação do romance policial "Sanctuary", de William Faulkner. O longa deverá ser produzido por John Langley, de Cops, e Lee Caplin, de Ali.

O livro já havia sido adaptado em 1933 como "The Story of Temple Drake", mas o roteiro teve que ser reajustado para ficar de acordo com as regras da época. O texto, que têm episódios de estupro, assassinato e sequestro, dentre outros atos obscenos, teve que ficar bem diferente do original.

O último texto de Avary produzido foi "Beowulf". Sua carreira foi interrompida após o roteirista ter confessado culpa em um acidente automobilístico em que um homem foi morto. Ele cumpriu mais de 5 anos de prisão. Apesar dos problemas pessoais, o autor é conhecido por não ter problemas em retratar a feiura de personagens ou situações - ou seja, parece ser perfeito para adaptar "Sanctuary".

Veja a sinopse de "Sanctuary":

Publicado em 1931, esse melodrama psicológico pode ser visto mais como um documento social de uma história trágica do Sul do que uma simples história. Um grupo sinistro, junto com excluídos da sociedade, será capaz de praticar sequestros, assassinatos e mutilações, sem motivo aparente.

Estudiosos de Faulkner têm uma interpretação alegórica para "Sanctuary": o romance seria um comentário sobre a degradação da antiga sociedade do Sul dos Estados Unidos pelo progresso e a exploração material.

Últimas de Cinema



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos