"Tem muita testosterona", diz Mateus Solano sobre beijo gay no filme "A Novela das 8"

Ana Okada
Do UOL, em São Paulo

  • Felipe Assumpção/AgNews

    Ator Mateus Solano posa para foto em entrevista coletiva sobre o filme "A Novela das 8", de Odilon Rocha (16/3/12)

    Ator Mateus Solano posa para foto em entrevista coletiva sobre o filme "A Novela das 8", de Odilon Rocha (16/3/12)

Depois de arrancar suspiros com os galãs da minissérie "Maysa - Quando Fala o Coração" e da novela "Viver a Vida", Mateus Solano vive um diplomata que descobre a homossexualidade no filme "A Novela das 8", de Odilon Rocha, e diz que não teve problemas para interpretar um beijo gay "com muita testosterona". "Achei importante tocar nessa questão como um fato que existe muito antes de a sociedade existir. É importante ter um homossexual que não é estereotipado, você vê a beleza do desejo entre dois homens. É uma cena muito viril, tem muita testosterona ali."

Ele conta que já havia encenado beijos gays no teatro e em "Maysa", mas a cena não chegou a ir ao ar. "Se tem uma coisa que minha profissão me dá é passar por situações que não vou viver na vida real. Assim como não iria me apaixonar por uma atriz que fizesse minha namorada", explica.

No filme, Dora (Claudia Ohana) é empregada da prostituta Amanda (Vanessa Giácomo), mas esconde uma série de segredos. Depois de um incidente, as duas partem para o Rio de Janeiro. Dora irá reencontrar o passado, enquanto Amanda, viciada em novelas, irá ver a boate que inspirou a novela "Dancin'Days". O ator Alexandre Nero também está no elenco.

Solano interpreta o diplomata João Paulo. Ele volta ao país nos anos 1970 por conta da morte do pai, que era ligado aos militares. O personagem mostra ressentimento em relação a esse pai, enquanto se sente como um estranho no país. "Assim como todos os personagens, ele sofre uma mudança, assim como o país. Ele faz as pazes com esse pai interno, meio castrador, percebe que a vida não é bem aquilo e relaxa. É muito bacana ver isso na cena do beijo, ver dois personagens que são travados se soltarem." Caio (Paulo Lontra), o jovem beijado por João Paulo, é um adolescente gay que nunca esteve com um homem.

O ator diz não temer ficar "marcado" por conta do papel. "Não tenho medo de fazer um papel e não ser chamado para outro. Sei que a televisão tem essa limitação de querer colocar a gente nessa 'gaveta' [de galã], assim como a imprensa, mas estou na profissão mais plural que pode ter. Já fiz até uma mulher, dá para passar por uma enormidade de personagens. Se, com isso, conseguir personagens diferentes, melhor", diz.

Em breve, Mateus Solano viverá o personagem Mundinho Falcão em Gabriela, vivido por José Wilker na versão da novela de 1975. O ator conta que "está muito animado" para começar a filmar a novela, que será feita no formato de "novela das onze", e disse que começa a gravar já em abril. Ele também está no longa "Procura-se", de João Daniel Tikhomiroff e está captando recursos para produzir a peça "Do Tamanho do Mundo", baseada em texto de Lourenço Mutarelli.

"A Novela das 8" está previsto para estrear nos cinemas em 30 de março.

TRAILER DE "A NOVELA DAS 8"

Últimas de Cinema



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos