Cinema

Depardieu retorna à França para rodar filme sobre Copa do Mundo

AP Photo/Musa Sadulayev
O ator francês Gerard Depardieu durante evento em Grozny, na Tchetchênia imagem: AP Photo/Musa Sadulayev

Em Paris (França)

O ator francês Gérard Depardieu, que adotou em janeiro a nacionalidade russa, retornou a Paris para rodar um filme sobre a história da Copa do Mundo.

Em uma grande produção de 18 milhões de dólares, dirigida por Frédéric Auburtin e que ainda não teve o título divulgado, Depardieu interpreta Jules Rimet, o criador da Copa do Mundo de futebol e fundador em 1897 do famoso clube francês Red Star.

"É a primeira vez que retorno para rodar um filme na França. Rejeitei todos os filmes franceses porque as pessoas não conseguiam compreender. Sou russo e residente belga. Vivo na Rússia, onde passei três meses e meio. Tenho empresas nos países onde vivo porque é mais vantajoso", declarou o ator à AFP.

Depardieu, de 64 anos, recebeu em janeiro a nacionalidade russa depois de uma polêmica com o primeiro-ministro francês Jean-Marc Ayrault, provocada pela decisão do ator de se mudar da França para a Bélgica por razões fiscais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo