Topo

Filmes e séries


Netflix abandonará produção de "House of Cards" se Spacey permanecer

Kevin Spacey posa com o criador de "House of Cards", Beau Willimon, durante exibição da série em Los Angeles - Kevin Winter/Getty Images
Kevin Spacey posa com o criador de "House of Cards", Beau Willimon, durante exibição da série em Los Angeles Imagem: Kevin Winter/Getty Images

04/11/2017 10h36

A Netflix anunciou nesta sexta-feira que não permanecerá na produção de "House of Cards" caso o ator Kevin Spacey, acusado de assédio sexual, siga na série.

"Netflix não estará envolvida em qualquer futura produção de 'House of Cards' que inclua Kevin Spacey. Continuaremos trabalhando com a MRC (produtora) durante esta pausa para avaliar nosso caminho comum" em relação à série, disse um porta-voz da empresa à AFP.

A gigante da TV por streaming já anunciou que não lançará, no próximo ano, o filme protagonizado e produzido por Spacey "Gore", sobre a vida do escritor americano Gore Vidal.

As acusações de abusos sexuais envolvendo jovens se multiplicaram nos últimos dias contra Spacey, 58 anos e duas vezes ganhador do Oscar, incluindo uma suposta tentativa de violação de um adolescente de 15 anos há três décadas.


 

Filmes e séries