Cinema

Porto Rico cria plano para incentivar "Hollywood" caribenho

San Juan - As autoridades de San Juan, capital de Porto Rico, anunciaram nesta quarta-feira que obtiveram um empréstimo de US$ 55 milhões para construir um grande estúdio cinematográfico, como parte de um plano para o desenvolvimento da indústria no país. O prefeito de San Juan, Jorge Santini, explicou que a Prefeitura emitirá bônus de renda de US$ 55 milhões para fazer frente ao reembolso do empréstimo financeiro, concedido pelo FirstBank.

Santini, que apresentou publicamente o local onde será construído o estúdio, destacou que a iniciativa faz parte de um plano promovido para estimular "o crescimento da indústria cinematográfica em Porto Rico".

O prefeito lembrou que nos últimos anos foram filmados em San Juan mais de 40 filmes, o que o levou a acreditar que esta atividade pode ser bastante lucrativa para a capital porto-riquenha.

"Um grande estúdio de filmagem em San Juan aumentará a atividade econômica, já que as produções que chegam à ilha necessitarão de carpinteiros, técnicos de eletricidade e áudio, câmeras e engenheiros, entre outros muitos profissionais", afirmou.

Porto Rico acolheu este ano a gravação de 11 filmes, com um investimento de US$ 64 milhões e a criação de 20 mil novos postos de trabalho, segundo dados da Corporação de Cinema de Porto Rico.

Atualmente, o país colocou à disposição das produtoras o chamado crédito contributivo, que supõe o repasse de 40% dos gastos com moradores da ilha para as empresas estrangeiras durante o período de filmagem.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo