Filmes e séries

Miyazaki bate recorde no Japão com seu filme de despedida dos cinemas

Koji Sasahara/AP
6.set.2013 - Hayao Miyazaki anuncia aposentadoria em Tóquio Imagem: Koji Sasahara/AP

O mestre da animação japonesa, Hayao Miyazaki, emplacou mais um sucesso de arrecadação no Japão com seu último filme "Kaze tachinu" (ainda sem título em português), que marca sua despedida dos cinemas, superando a marca recorde dos 10 bilhões de ienes (US$ 100,6 milhões), divulgou neste sábado (14) a imprensa japonesa.

O filme, que se passa durante a Segunda Guerra Mundial, conseguiu um aumento de bilheteria de 34,5% na segunda semana de setembro, quando o lendário diretor, de 72 anos, anunciou em uma grande entrevista coletiva que esta seria sua última produção, pois quer "fazer algo diferente da animação".

Segundo dados oferecidos pela distribuidora japonesa Toho, o filme "Kaze tachinu" atingiu o número recorde de 10 bilhões de ienes e 8,1 milhões de espectadores, 54 dias após sua estreia em 20 de julho, informou a agência "Kyodo".

A última vez que se chegou a esse números de bilheteria no Japão foi em 2010 com a animação "Toy Story 3", uma coprodução da Disney com os estúdios Pixar.

Miyasaki, que ganhou o Oscar de melhor longa-metragem de animação em 2001 com "A Viagem de Chihiro", já havia batido o recorde de arrecadação para um filme japonês anteriormente, já que "Ponyo: Uma Amizade que Veio do Mar" superou os 10 bilhões de ienes em 2008.

"Kaze tachinu" conta a história do jovem engenheiro aeronáutico Jiro Horikoshi, responsável pelo desenvolvimento da aeronave militar "Zero sen", utilizada pelo exercito japonês entre 1940 e 1945.

Com o grande terremoto que sacudiu o Japão em 1923 como pano de fundo, assim como a crise que veio na sequência e a Segunda Guerra Mundial, Miyasaki relata a obsessão de Horikoshi pelos aviões e sua história de amor com Nahoko Satom. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Jogos
Reuters
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
AFP
Reuters
do UOL
Reuters
do UOL
Da Redação
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
Roberto Sadovski
Blog do Matias
do UOL
AFP
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Roberto Sadovski
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
EFE
Colunas - Flavio Ricco
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
Cinema
Blog do Nilson Xavier
Topo