Cinema

Almodóvar recebe prêmio de honra europeu por contribuição com cinema mundial

Getty Images
Pedro Almodóvar imagem: Getty Images

O diretor espanhol Pedro Almodóvar recebeu neste sábado (7) em Berlim o prêmio de honra da Academia de Cinema Europeu com um breve discurso no qual fez referência à má situação vivida na Espanha, nas mãos de um Governo que qualificou como "insensível".

O diretor subiu ao palco da Haus der Berliner Festspiele, na capital alemã, depois que um "coro" integrado por dez atores que interpretou a canção "I'm so excited".

A canção, título em inglês de sua última comédia, "Os amantes passageiros", precedeu um pequeno discurso, muito ao estilo de Almodóvar, em inglês e infestado de agradecimentos, entre eles a seu irmão e produtor, Agustín.

Após esta abertura, em tom irônico, o diretor seguiu com um discurso mais sério, que lembrou sua mãe, se referiu à má situação da Espanha e disse que os cidadãos espanhóis são "vítimas de um Governo morto e insensível com seus problemas".

O diretor lembrou, além disso, alguns dos atores mais vinculados com a sua carreia, como Antonio Banderas, Carmen Maura e Angela Molina, esta última presente na cerimônia.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo