Cinema

"O cinema americano hoje não é mais muito bom", diz cineasta Luc Moullet, homenageado com retrospectiva no Brasil

Divulgação
Os cinéfilos brasileiros poderão aproximar-se da obra de Luc Moullet, participante da Nouvelle Vague imagem: Divulgação

NEUSA BARBOSA

Do Cineweb

No Brasil pela segunda vez - a primeira foi em 1986 -, para uma retrospectiva completa de seus filmes, o cineasta francês Luc Moullet, 73 anos, é um nome menos conhecido da Nouvelle Vague, movimento de renovação do cinema francês dos anos 60, que ele integra, ao lado de Jean-Luc Godard, François Truffaut e Éric Rohmer.

O motivo deste relativo desconhecimento é que sua extensa obra, que reúne 36 filmes entre longas e curtas, circulou muito pouco no País. Ele aproveita a retrospectiva, intitulada "Luc Moullet - Cinema de Contrabando", que se estende até domingo (20) nos CCBBs de São Paulo e do Rio, e até 6 de março no de Brasília, também para contatos diretos com o público. Hoje à noite, a partir das 19h30, ele tem uma conversa com a plateia no CCBB paulistano, logo depois da exibição de "Vontade Indômita", de King Vidor (1949) - um clássico do cinema americano incluído na mostra por um pedido expresso do cineasta, que dedicou um livro ao filme.

Falando ao UOL Cinema, Moullet conta que, no passado admirava bem mais o cinema americano do que o inglês. Em sua filmografia, aliás, inclui-se até um faroeste, "Une aventure de Billy the Kid" (1971), nunca lançado na França e protagonizado por Jean-Pierre Léaud, o ator-fetiche dos filmes de Truffaut ("Os incompreendidos") e Godard ("A Chinesa").

"O cinema inglês não era tão bom. Hoje, em compensação, o que não é muito bom é o americano", observa. Para ele, a qualidade do cinema americano de algumas décadas atrás devia muito aos cineastas europeus que trabalharam nos EUA no pós-II Guerra - como Otto Preminger, Fritz Lang e Jean Renoir. Hoje, em sua opinião, as "cinematografias mais interessantes são a belga, a coreana e a romena".

Jorge Furtado

Admirador do Cinema Novo, de nomes como Glauber Rocha, Nelson Pereira dos Santos e Cacá Diegues, o cineasta comenta que este movimento "continua sendo uma referência forte" quando se trata de cinema brasileiro. Isto acontece, a seu ver, porque os filmes mais recentes do País chegam muito pouco às salas francesas, a não ser numa ou outra retrospectiva.

Foi em algumas delas que ele teve oportunidade de entrar em contato com a obra do gaúcho Jorge Furtado ("Meu Tio Matou um Cara", "Saneamento Básico"), que é o diretor brasileiro que ele melhor conhece.

Moullet, que iniciou aos 18 anos sua carreira como crítico de cinema, trabalhando também na célebre revista "Cahiers du Cinéma", ao lado de Truffaut, Godard e Rohmer, escreveu, inclusive, a respeito de um trabalho de Furtado, o curta "A Matadeira" (1994), um curta documental sobre um episódio da Guerra de Canudos.

Premiado duas vezes no Festival de Cannes, pelos curtas "Gênese de uma Refeição" (1979) e "Le Système Zsygmondy" (2000), Moullet comenta porque ultimamente vem se dedicando mais aos curtas: "É bem mais fácil encontrar financiamento e tudo o mais".

Estes dois curtas, ao lado do longa "Brigitte et Brigitte" (66), que tem no elenco os cineastas Samuel Fuller, Claude Chabrol, André Téchinè e Claude Chabrol, são destaques da retrospectiva.

  • Divulgação

    Cena do filme "Os Náufragos da D17", de Luc Moullet, com Jean-Christophe Bouvet e Sabine Haudepin

LUC MOULLET - CINEMA DE CONTRABANDO

16/02 quarta-feira

17H30
VONTADE INDÔMITA (114´) - King Vidor
Classificação indicativa: 14 anos

19H30
Encontro de Luc Moullet com o público  

17/02 quinta-feira

18H
OS NÁUFRAGOS DA D17 (81´) - Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

19H30
GÊNESE DE UM REFEIÇÃO (117´) - Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos   

18/02 sexta-feira

18H
FOIX (13´) - Luc Moullet - 16mm
AS POLTRONAS DO CINE ALCAZAR (52´) - Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

19H30
BRIGITTE E BRIGITTE (75´) - Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos  

19/02 sábado

16H30
A ODISSÉIA DO 16/9 (11´) - Luc Moullet
LA SEPT SEGUNDO JEAN E LUC (13´) - Luc Moullet
O FANTASMA DE LONGSTAFF (20´) - Luc Moullet
A VALSA DA MÍDIA (27´) - Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18H
AERROPORRRTO DE ORRRRLY (6´) - Luc Moullet
EQUILÍBRIO E CEGUEIRA (5´) - Luc Moullet
TODOS NÓS SOMOS BARATAS (10´) - Luc Moullet  
CADA VEZ MENOS (13´) - Luc Moullet  
CADA VEZ MAIS (24´) - Luc Moullet  
O IMPÉRIO DO TOTÓ (13´) - Luc Moullet  
Classificação indicativa: 14 anos

19H30
INTRODUÇÃO (8´) - Luc Moullet
O COMPLÔ DOS OURIÇOS (17´) - Luc Moullet
CATRACAS (14´) - Luc Moullet
IMPHY, CAPITAL DA FRANÇA (24´) - Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos  

20/02 domingo

16H30
INTRODUÇÃO (8´) - Luc Moullet
O COMPLÔ DOS OURIÇOS (17´) - Luc Moullet
CATRACAS (14´) - Luc Moullet - 16mm
IMPHY, CAPITAL DA FRANÇA (24´) - Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18H
AERROPORRRTO DE ORRRRLY (6´) - Luc Moullet
EQUILÍBRIO E CEGUEIRA (5´) - Luc Moullet
TODOS NÓS SOMOS BARATAS (10´) - Luc Moullet
CADA VEZ MENOS (13´) - Luc Moullet
CADA VEZ MAIS (24´) - Luc Moullet
O IMPÉRIO DO TOTÓ (13´) - Luc Moullet  
Classificação indicativa: 14 anos

19H30
A ODISSÉIA DO 16/9 (11´) - Luc Moullet
LA SEPT SEGUNDO JEAN E LUC (13´) - Luc Moullet
O FANTASMA DE LONGSTAFF (20´) - Luc Moullet
A VALSA DA MÍDIA (27´) - Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos  

Quando: de 02 a 20 de fevereiro - São Paulo
Onde: Cinema do CCBB (70 lugares)
Quanto: Ingressos - R$ 6,00 e R$ 3,00 (meia-entrada)
Classificação indicativa: de acordo com o filme.

Endereço
Centro Cultural Banco do Brasil - São Paulo
R. Álvares Penteado, 112, Centro
Próximo às estações Sé e São Bento do Metrô

Informações
(11) 3113 3651 / (11) 3113 3652
www.bb.com.br/cultura
www.twitter.com/ccbb_sp

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo