Cinema

Cannes exibe filme clandestino de diretor iraniano condenado por subversão no seu país

Divulgação
Cena de "This Is Not a Film", de Jafar Panahi imagem: Divulgação

THIAGO STIVALETTI

Colaboração para o UOL, de Cannes

Muita gente ficou de fora hoje de uma das sessões mais concorridas do Festival: "Este Não É um Filme", de Jafar Panahi, cineasta proibido de filmar pelo governo do Irã.

Atualmente, o diretor vive em prisão domiciliar em Teerã. Panahi pode ser levado de volta à prisão a qualquer momento - foi condenado a seis anos de prisão e a 20 anos sem filmar.

Diretor de filmes premiados como "O Balão Branco" e "O Círculo", Leão de Ouro em Veneza, Panahi realizou o filme em casa, em parceria com o amigo Mojtaba Mirtahmasb.

Mirtahmasb veio a Cannes e, antes do filme, subiu ao palco para citar uma frase do profeta Zaratustra para ilustrar a falta de liberdade de expressão no Irã e luta para fazer cinema: "Quando a escuridão dominar, não use uma espada; acenda uma vela".

No filme, Panahi lê trechos do roteiro do próximo filme de ficção que quer filmar e tenta ele mesmo fazer a encenação, colocando-se no lugar dos personagens e demarcando um quarto de mentira com fita adesiva amarela na sala de estar. Sua iguana de estimação está sempre por perto.

Num dado momento, o diretor entra em crise: "mas de que adianta ler a história de um filme, se não podemos fazer o próprio filme?". Ao fim, o diretor arrisca-se indo até a porta de seu prédio para filmar um protesto contra a proibição de um ritual persa que envolve fogueiras e fogos de artifício.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo