Filmes e séries

Filme de terror explícito é vetado em festival no Rio

Reprodução
Cena de "The Serbian Film" Imagem: Reprodução

do UOL, no Rio

21/07/2011 19h07

O filme de terror explícito "A Serbian Film - Terror sem Limites", programado para ser exibido neste sábado (23) no festival "Rio Fan", foi retirado da programação por ordem da patrocinadora do festival, a Caixa Econômica Federal. O filme, um dos mais aguardados da programação do festival, conta a história de Milos, um ex-ator pornô que aceita uma proposta repentina para fazer um último filme, uma obra pornográfica com pretensões artísticas, e, durante as filmagens, descobre que será forçado a filmar atos degradantes e cometer atrocidades sexuais.

Os organizadores do festival alegam que não receberam mais esclarecimentos sobre o que levou à decisão da Caixa, apenas um comunicado que dizia que "por decisão da Caixa Econômica Federal, o filme “A Serbian Film – Terror sem Limites” deverá ser retirado da programação da mostra em cartaz na Caixa Cultural RJ e patrocinada por essa instituição".

TRAILER DO FILME "SERBIAN FILM - TERROR SEM LIMITES"
Atenção, cenas fortes

Procurado pela reportagem do UOL, o responsável pela distribuição do filme no Brasil, Rafaelle Petrini, acha que há um exagero sobre o conteúdo de "A Serbian Film". "O filme não incentiva, não é uma apologia à pedofilia e deixa claro que os atos praticados na tela são repugnantes", disse Petrini. Algumas cenas sugerem violência sexual contra um menor, mas não há exploração nem exibição da criança, segundo o distribuidor. "Em uma das cenas percebe-se a montagem, em outra, que é usado um robô", afirmou. O diretor da obra, Srdjan Spasojevic, declarou à Folha que seu filme é uma alegoria política --a história se passa na Sérvia, como o título indica, e tem referências pontuais às turbulências recentes do país.

"A Serbian Film" já foi exibido em dois festivais brasileiros, o Fantaspoa, patrocinado pelos Correios em Porto Alegre (RS), e o Festival Lume, uma iniciativa privada, mas exibido em local público em São Luis (MA), além dos festivais internacionais South by Southwest (Austin, EUA), Festival Internacional do Filme de Fantasia (Bruxelas, Bélgica), Fantasia (Montreal, Canadá), Raindance (Londres, Inglaterra), Fantasporto (Porto, Portugal) e Festival de Sitges (Sitges, Espanha).

Apesar do veto, a exibição do filme no Rio foi garantida em outro local, no Cine Odeon, do Grupo Estação, às 22h de sábado (23).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Chico Barney
Roberto Sadovski
redetv
redetv
do UOL
EFE
EFE
do UOL
do UOL
Cinema
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
EFE
EFE
Colunas - Flavio Ricco
Blog do Barcinski
Roberto Sadovski
redetv
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Jogos
Reuters
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
AFP
Reuters
do UOL
Reuters
do UOL
Da Redação
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
Roberto Sadovski
Blog do Matias
do UOL
Topo