Cinema

CCBB do Rio mostra filmes da jovem guarda ao rock dos dias atuais

Divulgação
Gilberto Gil e Regina Casé no filme "Corações a mil", de 1983 imagem: Divulgação

Da Redação

A participação do rock na cinematografia brasileira dos últimos 50 anos será apresentana mostra "O cinema rock’n’roll – filmes brasileiros da jovem guarda aos dias de hoje", de 27 de setembro a 6 de outubro, no Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro. Serão exibidos 19 longas-metragens e também 4 curtas e videoclipes em sessões especiais, durante o horário do almoço. No dia 5 de outubro, às 19h, o diretor do filme “Areias Escaldantes”, Francisco de Paula, participa de um debate com o público.

Serão apresentadas algumas preciosidades, tais como “Minha Sogra é da Polícia”, que traz o trio formado por Roberto Carlos – na época com apenas 17 anos –, Erasmo Carlos e Carlos Imperial, que aparecem como banda de apoio para o astro Cauby Peixoto durante uma apresentação. Gilberto Gil estará “Corações a mil”; Baby Consuelo adolescente, em “Caveira My Friend”, cujo nome da personagem ela levou para o resto de sua carreira musical.

Outro destaques será a exibição “Geração Bendita”.  Lançado em 1971, o longa-metragem foi rodado em Nova Friburgo, em uma comunidade hippie que de fato existiu e foi proclamado como o “primeiro filme hippie brasileiro”. Recuperado em 2002, o filme teve trilha sonora da banda Spectrum – cujo disco em vinil é um dos mais cultuados e caros no mundo inteiro. 

A mostra do CCBB vai traçar a evolução do rock de forma cronológica a partir de sua inclusão nas chanchadas – quando Carlos Manga, em 1957, dirige “De Vento em Popa” – até os filmes pós-retomada dos anos de 1990, como “Baile Perfumado”, de Lírio Ferreira e Paulo Caldas, e “Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock’n’roll”.

Para ilustrar o caminho percorrido pela evolução do rock nas telonas, serão exibidos filmes como “Juventude e Ternura”, estrelado por Wanderléa, “Meteorango Kid”, de André Luiz Oliveira e “Abismu” de Rogério Sganzerla, lançados nas décadas de 1960 e 1970. Os longas-metragens que marcaram a geração dos anos de 1980 também fazem parte da programação, com apresentações do Barão Vermelho, em “Bete Balanço”, e dos Titãs em “Areias Escaldantes”.

Sessões com videoclipes retratarão também o estilo que melhor traduz a geração dos anos 1990, tendo como cume a estréia da MTV Brasil. A programação completa pode ser obtidas no www.bb.com.br/cultura.


Serviço:
Onde: Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro
Quanto: Grátis; é necessário retirar as senhas 30 minutos antes de cada sessão
Informações: 0/XX/3808-2020 - www.bb.com.br/cultura / twitter.com/ccbb_rj

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo