Cinema

Novo filme de Liam Neeson tira "Anjos da Noite 4" do primeiro lugar nos EUA

EFE/Kimberley French/Open Road Films
Cena do filme "The Grey" com Liam Neeson imagem: EFE/Kimberley French/Open Road Films

O novo filme do ator Liam Neeson, "A Perseguição", dirigido por Joe Carnahan, liderou outro bom fim de semana nas bilheterias do cinema, faturando US$ 20 milhões e superou as expectativas dos produtores. Até o dia 29 de janeiro, as vendas de ingressos de cinema subiram quase 10% nos Estados Unidos se comparadas com o mesmo período do ano passado. As informações são do site Hollywood Reporter.

"A Perseguição" conta a história de um grupo de homens perdidos em uma parte deserta do Alasca depois da queda de um avião. Além de Neeson o elenco conta com Frank Grillo e Dermot Mulroney.  O longa de US$ 25 milhões foi feita pelas produtoras Liddell Entertainment e Scott Free Productions e teve nota B- no site CinemaScore, que teve uma audiência 60% masculina.

Em sua segunda semana em cartaz, "Anjos da Noite: O Despertar" teve um bom desempenho, arrecadando US$ 12.5 milhões. O novo filme da atriz Katherine Heighl "Como Agarrar meu Ex-Namorado " também superou as expectativas com um faturamento de US$11.8 million. O filme é baseado nos livros de Janet Evanovich, uma série de livros de deteives. A audiência do filme foi formada principalmente por fãs dos livros, em sua maioria mulheres acima dos 25 anos, que foram responsáveis por 79% da arrecadação.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo