Filmes e séries

"Os Muppets" derrota "Rio" e fica com o Oscar de melhor canção original

Mike Blake/Reuters
Bret McKenzie, que desbancou Carlinhos Brown na categoria de melhor canção, com "Man Or Muppet", exibe sua estatueta para os fotógrafos (27/2/12) Imagem: Mike Blake/Reuters

Do UOL, em São Paulo

27/02/2012 00h18

O Oscar de melhor canção original ficou com "Os Muppets", por "Man or Muppet", de Bret McKenzie, que derrotou "Real in Rio", de "Rio", música de Sergio Mendes e Carlinhos Brown com letra de Siedah Garrett. Sergio Mendes e Carlinhos Brown estavam presentes na cerimônia, acompanhados do diretor, Carlos Saldanha.

Carlinhos Brow não se abalou pela derrota. “Não foi dessa vez, mas valeu muito! É uma honra estar aqui representando o Brasil”, escreveu o músico em seu Twitter, logo após o resultado do prêmio.

Mais tarde, o músico voltou a usar o Twitter para agradecer o apoio de artistas como Ivete Sangalo e Preta Gil e dar suas últimas impressões da experiência.

"A vida nos oferece oportunidades e, a melhor, é a de se sentir amado pelo meu país... Foi uma honra dividir esse momento com Sérgio, Siedah e toda a equipe do 'Rio' e dos Muppets'... É maravilhoso ser um indicado e, ainda por cima, vice. Valeu a todos pela torcida", escreveu Brown.

Ainda no tapete vermelho, antes da cerimônia, Brown, Mendes e Saldanha conversaram com a repórter da "Folha de S. Paulo", Fernanda Ezabella. Assista ao vídeo.


Em entrevista ao programa "Fantástico", da Rede Globo, o cantor, compositor e agitador cultural baiano havia falado sobre a indicação antes da festa começar. "A expectativa é a melhor. O Brasil merece esse prêmio, por essa força que é a comunidade brasileira". E brincou ao falar dos smokings que ele, Mendes e Saldanha usariam. "Os brasileiros são elegantes, olha a elegância do Carlos e do Sergio. Estou muito feliz desses mestres me trazerem aqui".

Apresentação
A cerimônia começou neste domingo, às 22h30, com vídeos que parodiavam os filmes concorrentes, estrelados pelo anfitrião da noite, o comediante Billy Crystal.

"Nada melhor para levar as preocupações para longe da crise econômica do que milionários entregando estátuas de ouro a milionários", foi uma das piadas de abertura de Crystal, antes de começar um número musical sobre cada um dos indicados a melhor filme. Depois de apresentar os dois primeiros prêmios, o comediante fez piadas sobre o nome do teatro que recebe o Oscar, que deixou de ser Kodak Theatre recentemente, e comentou que as pessoas não vão mais ao cinema.

Depois do prêmio de melhor atriz coadjuvante, Billy Crystal ironizou os testes de audiência que os estúdios fazem para ver como o público responderá a um filme e mostrou o "primeiro teste de audiência" da história, do clássico "O Mágico de Oz". As sugestões incluíam "cortar a música "Somewhere over the Rainbow" e eliminar o personagem de Dorothy.

Depois do prêmio de melhor ator coadjuvante, Crystal fez um número em que "adivinhava" o que cada um dos indicados estava presente. Segundo ele, Scorsese estaria dirigindo mentalmente a cerimônia e o cãozinho Uggie, de "O Artista" só pensava "Se fosse meu, eu lamberia, se fosse meu, eu lamberia..."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
Reuters
Reuters
do UOL
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
redetv
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
Cinebiografia a caminho
Reuters
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
Chico Barney
Roberto Sadovski
redetv
redetv
do UOL
EFE
EFE
do UOL
do UOL
Cinema
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
EFE
EFE
Colunas - Flavio Ricco
Roberto Sadovski
redetv
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
Topo