Cinema

Irã vai boicotar o Oscar 2013 por causa de filme anti-islã

Aamir Qureshi/AFP
Manifestante paquistanês atira bomba de gás lacrimogêneo em protesto contra filme anti-Islã (20/9/12) imagem: Aamir Qureshi/AFP

Do UOL, em São Paulo

De acordo com informações da agência "Associated Press", o Irã deve boicotar o Oscar 2013, não indicando nenhuma produção para concorrer na categoria de melhor filme estrangeiro.

Segundo o chefe da agência de cinema do país, Javad Shamaghdari, o Irã quer "evitar" a premiação por causa do filme anti-islã produzido nos Estados Unidos, que gerou protestos no mundo muçulmano por seu conteúdo ofensivo ao profeta Maomé.

Shamafhdari estaria tentando convencer o comitê que escolhe o representante iraniano no Oscar a dar um passo atrás, já que o filme Ye Habbeh Ghand,  or "A Cube of Sugar"  já foi escolhido para concorrer ao prêmio. 

Shamaghdari disse que o Oscar deve ser boicotado até que os organizadores denunciem o filme anti-islã "Inocência dos Muçulmanos".  Pelo menos 51 pessoas, incluindo o embaixador dos EUA na Líbia, foram mortas em violência ligada a protestos contra o filme, que também renovou o debate sobre a liberdade de expressão nos EUA e na Europa.

 

Mais de 50 pessoas morreram nos protestos e ataques em todo o mundo em resposta ao filme produzido nos Estados Unidos que denigre o Islã e o profeta Maomé.

Leia mais em: http://noticias.bol.uol.com.br/folhaonline/mundo/2012/09/24/presidente-do-ira-condena-extremismos-contra-video-anti-isla.jhtm
Mais de 50 pessoas morreram nos protestos e ataques em todo o mundo em resposta ao filme produzido nos Estados Unidos que denigre o Islã e o profeta Maomé.

Leia mais em: http://noticias.bol.uol.com.br/folhaonline/mundo/2012/09/24/presidente-do-ira-condena-extremismos-contra-video-anti-isla.jhtm
Mais de 50 pessoas morreram nos protestos e ataques em todo o mundo em resposta ao filme produzido nos Estados Unidos que denigre o Islã e o profeta Maomé.

Leia mais em: http://noticias.bol.uol.com.br/folhaonline/mundo/2012/09/24/presidente-do-ira-condena-extremismos-contra-video-anti-isla.jhtm
Mais de 50 pessoas morreram nos protestos e ataques em todo o mundo em resposta ao filme produzido nos Estados Unidos que denigre o Islã e o profeta Maomé.

Leia mais em: http://noticias.bol.uol.com.br/folhaonline/mundo/2012/09/24/presidente-do-ira-condena-extremismos-contra-video-anti-isla.jhtm
Mais de 50 pessoas morreram nos protestos e ataques em todo o mundo em resposta ao filme produzido nos Estados Unidos que denigre o Islã e o profeta Maomé.

Leia mais em: http://noticias.bol.uol.com.br/folhaonline/mundo/2012/09/24/presidente-do-ira-condena-extremismos-contra-video-anti-isla.jhtm
Mais de 50 pessoas morreram nos protestos e ataques em todo o mundo em resposta ao filme produzido nos Estados Unidos que denigre o Islã e o profeta Maomé.

Leia mais em: http://noticias.bol.uol.com.br/folhaonline/mundo/2012/09/24/presidente-do-ira-condena-extremismos-contra-video-anti-isla.jhtm
Mais de 50 pessoas morreram nos protestos e ataques em todo o mundo em resposta ao filme produzido nos Estados Unidos que denigre o Islã e o profeta Maomé.

Leia mais em: http://noticias.bol.uol.com.br/folhaonline/mundo/2012/09/24/presidente-do-ira-condena-extremismos-contra-video-anti-isla.jhtm

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo