PUBLICIDADE
Topo

Disney compra a Lucasfilm por US$ 4 bilhões; "Star Wars 7" será lançado em 2015

George Lucas assina contrato em que passa a empresa Lucasfilm para a Disney, ao lado de Robert Iger, CEO da Disney, em Burbank, na Califórnia (30/10/12) - AP Photo/Disney, Rick Rowell
George Lucas assina contrato em que passa a empresa Lucasfilm para a Disney, ao lado de Robert Iger, CEO da Disney, em Burbank, na Califórnia (30/10/12) Imagem: AP Photo/Disney, Rick Rowell

Do UOL, em São Paulo

30/10/2012 18h04Atualizada em 31/10/2012 09h03

A Walt Disney Company comprou 100% das ações da Lucasfilm, do cineasta George Lucas, por US$ 4,05 bilhões. A informação foi confirmada em comunicado publicado pela Disney em sua página oficial, nesta terça (30). 

"Pelos últimos 35 anos, um dos meus maiores prazeres tem sido ver 'Star Wars' passar de uma geração para outra. Agora é hora de passar 'Star Wars' para uma nova geração de cineastas", disse Lucas, justificando a venda. O comunicado também anunciou que "Star Wars: Episode 7", será o primeiro filme da franquia produzido pela empresa, com previsão de lançamento para 2015, e consultoria criativa do diretor. Os episódios 8 e 9 também podem acontecer, visto que a trajetória da saga prevê 9 episódios. 

LEIA MAIS

  • Anunciada nesta terça-feira (30), a aquisição da LucasFilm pela Disney por US$ 4,05 bilhões inclui também a LucasArts, produtora de games como "Kinect Star Wars" e "Star Wars 1313", previsto para 2013.

"A Lucasfilm reflete a paixão, visão e roteiro extraordinário de seu fundador, George Lucas. Essa transação combina um portfólio clássico de conteúdo que inclui 'Star Wars', uma das maiores famílias e franquias de entretenimento de todos os tempos, com a criatividade única da Disney em diferentes plataformas, negócios e mercados, para gerar um crescimento sustentável e conduzir a um valor significativo a longo prazo", disse Robert A. Iger, chefe executivo da Walt Disney Company. 

"Sempre acreditei que 'Star Wars' poderia viver sem mim, e eu acho importante fazer essa transição enquanto estou vivo. Estou confiante que sob liderança de Kathleen Kennedy, a Lucasfilm terá uma nova casa na Disney. 'Star Wars' certamente viverá e prosperará por muito mais gerações. A experiência e alcance da Disney dará a Lucasfilm a oportunidade de vislumbrar novos caminhos na televisão, mídia interativa, parques temáticos, entretenimento ao vivo e produtos para o consumidor", explicou Lucas. 

"Star Wars" fará parte dos parques temáticos 

Outra novidade apresentada no comunicado foi a de que o "conteúdo de 'Star Wars' será integrado a rede de parques temáticos da Disney", na cidade de Orlando, na Flórida, além de Anaheim, Paris e Tóquio. No parque Hollywood Studios, já há uma atração relacionada aos filmes, o simulador Star Tours. A empresa espera com essas estratégias, "florescer o trabalho da Lucasfilm por mais 35 anos." 

A Disney informa que a aquisição foi inspirada nas compras milionárias feitas pela empresa, da Pixar, em 2006, e da Marvel, em 2009. Junto com a franquia de "Star Wars", a Disney também adquire as tecnologias de filmagem e exibição criadas pela empresa. Mas explica que os funcionários que trabalham nos estúdios, atualmente localizados em San Francisco, na Califórnia, assim como a presidente e produtora executiva Kathleen Kennedy, serão mantidos em seus locais de trabalho. 

Em agosto de 2012, a Lucasfilm já tinha anunciado o relançamento de duas franquias da saga em 3D. "Guerra nas Estrelas: Episódio II - O Ataque dos Clones" chegará aos cinemas dos Estados Unidos em 3D no dia 20 de setembro do ano que vem, e sua continuação, "Guerra nas Estrelas: Episódio III - A Vingança dos Sith", estreará semanas mais tarde, no dia 11 de outubro.

Na época, o estúdio da Fox seria o responsável pela distribuição dos filmes depois da boa recepção que teve neste ano o lançamento no formato estereoscópico do primeiro capítulo da famosa saga, "Guerra nas Estrelas: Episódio I - A Ameaça Fantasma".

Essa versão arrecadou US$ 43,5 milhões nos EUA e US$ 59,3 milhões no resto do mundo, um número notável levando em conta que se trata de um filme que estreou originalmente em 1999, naquela ocasião em 2D.