Cinema

Produtor diz que briga para relançar filme polêmico de Xuxa continua

Jorge Araújo/Folhapress
Xuxa posa com camiseta de divulgação do filme "Amor Estranho Amor" em foto de 1982 imagem: Jorge Araújo/Folhapress

Natália Guaratto

Do UOL, em São Paulo

O produtor da Cinearte Aníbal Massaini Neto, que luta na Justiça contra a apresentadora Xuxa para reaver os direitos de exibição do filme “Amor, Estranho Amor”, de 1982, disse que, apesar de ter o recurso negado pela Justiça em segunda instância nesta terça-feira (5), pretende continuar brigando para relançar o longa.

“Ainda não conversei com meus advogados para saber qual recurso podemos tentar agora, mas quero continuar a luta. Quando a gente produz a obra, a gente quer vê-la circulando”, afirmou Massaini ao UOL. Procurado pela reportagem, o advogado de Xuxa, Maurício Lopes Oliveira, não foi encontrado para comentar a decisão.

Você acha que o filme "Amor, Estranho Amor", com Xuxa Meneghel, deveria ter seu relançamento proibido?

Resultado parcial

Total de votos
Total de votos

A briga judicial entre a Cinearte e a Xuxa Produções começou em 2009, quando a empresa anunciou que pretendia voltar a comercializar “Amor, Estranho Amor”, filme em que a personagem de Xuxa aparece tendo relações sexuais com um garoto de 12 anos.

“É no mínimo um grande equívoco e mostra uma vontade da Justiça de buscar um resultado para favorecer alguém muito famoso”, disse o produtor. “[Amor, Estranho Amor] é um filme muito bom, muito bem dirigido, de alto nível, estrelado por grandes atores. É inconcebível uma pessoa, que por um acaso mudou a trajetória e que entende o filme que fez equivocadamente, mantenha essa atitude censória”.

Massaini também culpou Xuxa de ter quebrado o contrato que impedia a Cinearte de veicular “Amor, Estranho Amor”.  De acordo com o produtor, a apresentadora deixou de pagar em dia a quantia de US$ 60 mil por ano à produtora, dando brecha para que a Cinearte voltasse a comercializar a obra.

A nota divulgada pelo TJRJ nesta terça, no entanto, diz que a decisão favorável à apresentadora foi tomada porque o contrato não especificava as condições de prorrogação de prazo para o pagamento.

Dirigido por Walter Hugo Khouri, “Amor Estranho Amor” tem no elenco Vera Fischer, Tarcísio Meira, Íris Bruzzi e Marcelo Ribeiro, o garoto que protagonizou a cena polêmica com Xuxa.

Você acha que o filme "Amor, Estranho Amor", com Xuxa Meneghel, deveria ter seu relançamento proibido?

Resultado parcial

Total de votos
Total de votos

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo