Cinema

Governo culpa produtora por morte em set de novo filme de Johnny Depp

Divulgação
Cartaz internacional de "O Cavaleiro Solitário" com Johnny Depp como o índio Tonto e Armie Hammer como o personagem-título imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

Após investigação, o governo americano culpou a produção por trás do filme “O Cavaleiro Solitário”, estrelado pelo ator Johnny Deep, pela morte de um membro da equipe ano passado.

Mike Bridger morreu afogado quando limpava um dos tanques usados nas filmagens.

Segundo o site “TMZ”, documentos oficiais da investigação confirmam que uma divisão de segurança e saúde ocupacional da Califórnia emitiu uma multa de US$ 61 mil à Silver Bullet Produções.

A investigação do governo entendeu que a empresa é culpada diretamente pela morte de Mike Bridger, já que não havia registros médicos para o mergulhador, parceiro para o trabalho, nem corda de segurança.

Produzido também pela Walt Disney Pictures, o quase faroeste “O Cavaleiro Solitário” conta a história do homem-da-lei John Reid (Armie Hammer) que é tratado pelo índio Tonto (Johnny Depp) após ser deixado para morrer em uma emboscada. Ele então passa a usar a máscara do Cavaleiro Solitário para levar justiça aos malfeitores.

A direção é de Gore Verbinski, que já traballhou com Depp nos três primeiros Piratas do Caribe. A estreia está programada para 3 de julho nos EUA e em 12 de julho no Brasil.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo