Cinema

Deborah Secco será Irmã Dulce no cinema

AgNews/Divulgação
Deborah Secco interpretará Irmã Dulce no cinema imagem: AgNews/Divulgação

Do UOL, em São Paulo

A atriz Deborah Secco interpretará nos cinemas Maria Rita de Sousa Pontes, a irmã Dulce (1914-1992), também conhecida como o "anjo bom da Bahia". A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da atriz.

A cinebiografia contará a história da religiosa que ganhou notoriedade por suas obras de caridade e de assistência aos pobres. A religiosa, beatificada há dois anos, pode ser a primeira mulher nascida no Brasil a virar santa. Ela precisa de mais um caso aceito pelo Vaticano para se juntar a Frei Galvão, o único santo do país, canonizado em 2007, pelo papa Bento 16. 

A beata Irmã Dulce faz parte do grupo de patronos e intercessores da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que trouxe o Papa Francisco ao Brasil. Os patronos e intercessores são santos e beatos a quem devem ser dirigidas orações para o sucesso do evento

Segundo o jornal "O Globo", Secco disputou o papel com várias atrizes e acabou sendo aprovada pela produtora Iafa Britz e o diretor César Rodrigues. César Rodrigues dirige atualmente a sitcom brasileira "Vai que Cola", exibido pelo canal Multishow desde o dia 8 de julho. 

Recentemente, Secco foi confirmada para o elenco de "Estrada", filme do diretor André Moraes, com as participações de Milhem Cortaz e Lucio Mauro Filho. A atriz também atuou na adaptação cinematográfica da série "Confissões de Adolescente", com direção de Daniel Filho.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo