Filmes e séries

"Faroeste Caboclo" e suspense brasileiro estarão no Festival de Toronto

Do UOL, em São Paulo

13/08/2013 11h58

O Brasil terá três filmes exibidos no Festival Internacional de Cinema de Toronto, em setembro. "Faroeste Caboclo", de René Sampaio, e "O Lobo Atrás da Porta", de Fernando Coimbra, estarão na mostra World Contemporary Cinema. Coproduzido pelo Brasil, "Amazonia" estará na mostra infantil do festival.

As mostras de Toronto não são competitivas e o festival não tem júri para escolher vencedores de "melhor filme" ou "melhor ator", como em outros eventos do gênero. A premiação mais importante é concedida pelo público.

Adaptação da famosa canção de Renato Russo, “Faroeste Caboclo” será exibido no festival sob o título de "Brazilian Western".

O longa do diretor René Sampaio narra a saga de amor e vingança entre João de Santo Cristo (Fabrício Boliveira) e Maria Lúcia (Isis Valverde) e fará parte da mostra contemporânea, que abrange filmes do mundo todo.

A produção do filme afirmou que o diretor, a produtora Bianca de Felippe e o ator Fabricio Boliveira estarão presentes no evento. "Será uma grande oportunidade pra essa história de apelo universal dialogar com outras plateias e abrir novas possibilidades de comercialização para o longa", diz a nota.

Veja trailer de "Faroeste Caboclo"

O inédito “O Lobo Atrás Da Porta”, de Fernando Coimbra, com Leandra Leal, Fabiula Nascimento e Milhem Cortaz, também faz parte da programação do festival, que acontece de 5 a 15 de setembro.

Produzido pela Gullane Filmes, o filme é um suspense sobre um triângulo amoroso e o misterioso sequestro de uma criança. 

Coproduzido pelo Brasil, “Amazonia”, documentário em 3D do francês Thierry Ragobert, integra a mostra infantil. Antes de Toronto, o filme também será exibido no Festival de Veneza.

A 38ª edição do Festival Internacional de Cinema de Toronto (TIFF) começa no próximo dia 5 de setembro com "The Fifth Estate", filme de Bill Condon sobre o fundador do Wikileaks, Julian Assange, e "Canibal" do espanhol Manuel Martín Cuenca, ambos em estreia mundial.

O diretor-executivo do TIFF, Piers Handling, afirmou que o público ficará atordoado com "The Fifth State", protagonizado por Daniel Brühl e Benedict Cumberbatch.

Cumberbatch interpreta o australiano Assange no filme de Condon, que estreia na América do Norte no dia 18 de outubro. "A informação é a moeda mais poderosa da nossa era e encontramos um filme que registra o quão volátil pode ser", disse Cameron Bailey, diretor artístico do TIFF.

 

Uma história de crimes e de amor
Já "Canibal", que foi rodado em Granada, é um suspense no qual Antonio de la Torre dá vida a Carlos, um prestigiado alfaiate de Granada e um homem respeitável, mas que se alimenta de mulheres, fundamentalmente turistas, forasteiras e desconhecidas com as quais não tem nenhum vínculo emocional.

Martín Cuenca descreveu "Canibal" como "uma história de crimes em que há uma grande história de amor, uma narrativa moderna capaz de atrair um público amplo e aberto, mas sem perder a densidade das histórias marcantes".

Outro filme que estreia mundialmente em Toronto é "Gravidade", do mexicano Alfonso Cuarón, diretor de "E tua mamãe também" (2001) e "Harry Potter e o prisioneiro de Azkaban" (2004), estrelado por George Clooney e Sandra Bullock, que fala sobre um acidente na estação espacial internacional.

O TIFF anunciou nesta terça 16 filmes do programa de Gala e 55 das Apresentações Especiais, que incluem 40 estreias mundiais de filmes com nomes como Steve McQueen, Atom Egoyan, Jason Reitman, Denis Villeneuve, Ralph Fiennes, Paul Haggis, Jason Bateman e Bertrand Tavernier.

"Esta primeira rodada de filmes oferece uma antecipação da poderosa gama de filmes do festival deste ano. São obras que darão que falar porque capturam o clima do momento", explicou Handling.

O Festival Internacional de Toronto se tornou, segundo vários críticos, um dos três principais festivais de cinema do mundo e o lugar preferido pelos grandes estúdios para apresentar seus filmes candidatos ao Oscar.

O filme que encerra o TIFF, em 15 de setembro, é "Life of Crimes", estreia mundial do longa do diretor Daniel Schechter. Baseado no romance de Elmore Leonard, tem no elenco Jennifer Aniston, John Hawkes, Mos Def e Tim Robbins e acompanha dois pequenos delinquentes na Detroit dos anos 70, que sequestram a esposa de um promotor corrupto.

"Queremos terminar o festival com algo divertido. 'Life of Crimes' convida o público a desfrutar do puro prazer de ver grandes atores darem vida às palavras de Leonard", explicou Handling.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Cinema
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Cinema
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Cinema
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
EFE
do UOL
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
Topo