Cinema

Livro lido por Harry Potter vai virar filme com roteiro de J. K. Rowling

Divulgação
Capa da edição nacional de "Animais Fantásticos e Onde Habitam" com o selo escrito "propriedade de Harry Potter" imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

Os estúdios da Warner Bros e a best-seller J. K. Rowling anunciaram que uma nova série de filmes inspirados no universo de Harry Potter estão sendo desenvolvidos. O projeto é “adaptar” o livro “Animais Fantásticos e Onde Habitam”, escrito por J.K. Rowling sob o pseudônimo Newt Scamande.

O livro surgiu no próprio universo de Harry Potter, como objeto de estudo em Hogwarts, mas ganhou as prateleiras do mundo real como forma de agradar os fãs e expandir o mundo fantasioso dos bruxinhos. A autora escreveu outros dois livros: “Quadribol Através do Séculos” e “Os Contos de Beedle, o Bardo”.


"Animais Fantásticos" seria apenas a primeira parte de uma nova franquia. Embora seus livros tenham rendido oito filmes, se tornando uma das sagas mais rentáveis do cinema, “Animais Fantásticos e Onde Habitam” será a estreia de J.K. Rowling como roteirista. 

A escritora, no entanto, deixa claro que o filme não será uma continuação dos primeiros filmes sobre os bruxos. Ela explica que a história de “Animais Fantásticos” se passa 70 anos antes de Harry Potter começar o curso em Hogwarts.

"As leis e os costumes da sociedade da magia oculta será familiar a qualquer um que tenha lido os livros de Harry Potter ou visto os filmes, mas a história de Newt começará em Nova York, 70 anos antes de Harry Potter", disse Rowling em comunicado em seu site.

“Embora ele seja definido na comunidade mundial de bruxos e bruxas, onde eu fui muito feliz por 17 anos, ‘Animais Fantásticos e Onde Habitam’ não é uma sequência e nem uma prévia da série Harry Potter, mas uma extensão do mundo bruxo. Eu sempre disse que eu só iria revisitar o mundo dos bruxos, se eu tivesse uma ideia que me deixasse realmente animada. E é isso”, declarou.

As oito partes de "Harry Potter" - lançados entre 2001 e 2011 - arrecadaram mais de US$ 7 bilhões no mundo todo.

Parceria milionária
Não se sabe os detalhes e cifrões, mas há um "pacto" milionário entre a Warner e escritora britânica J.K. Rowling. A criadora de Harry Potter conta, em nota, que a ideia do filme partiu dos estúdios, mas que ela mesma respondeu com um projeto mais autoral - não a toa, ela ficará responsável pelo roteiro do filme.

Segundo a escritora, ela tem uma ligação afetiva com Newt Scamander, pseudônimo criado nos livros de Harry Potter, o que dificultaria vê-lo ser adaptado por um outro escritor.  "Tendo vivido por tanto tempo em meu universo ficcional, me sinto muito protetora, já sei muitas coisas sobre Newt”, contou J.K.

A relação entre os dois lados inclui esforços além do novo projeto, como a ampliação das atividades do parque temático de Harry Potter e a distribuição da adaptação de "Morte Súbita", livro "adulto" de J.K., para a BBC em 2014.

$!$render-component.split('/')[$math.sub($render-component.split('/').size(), 1)]

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo