Cinema

Diretor de "Elysium", filme com Wagner Moura, é acusado de plágio

Do UOL, em São Paulo

O diretor de "Elysium", Neill Blomkamp, a Sony Pictures e produtores do filme com Matt Damon e Wagner Moura estão sendo processados pelo roteirista Steve Wilson Briggs por violação dos direitos autorais, informou o site TheWrap. Briggs entrou com o processo na terça-feira (8), na Califórnia. Os produtores não quiseram comentar o assunto. 

Briggs diz que "Elysium" tem muitas semelhanças com o roteiro escrito por ele intitulado "Butterfly Driver". Segundo o processo, as similaridades estão na história, no enredo, personagens, configurações inusitadas, temas, conflitos, reviravoltas. 
 
O filme se passa em 2154, quando existem apenas duas classes de pessoas, os muitos ricos que vivem em uma luxuosa estação espacial, chamada Elysium, e o resto da humanidade, que vive em uma Terra populosa e devastada.
 
No processo, o escritor ainda diz que os réus tiveram acesso ao seu trabalho e que tentaram disfarçar a infração. Briggs finalizou o roteiro em maio de 2005 e registrou uma versão revisada em dezembro de 2005. Em 2007, ele publicou a história na íntegra no site de roteiros de Kevin Spacey e Dana Brunetti, chamado TriggerStreet.com. O autor afirmou que foi por meio desse site que os réus tiveram acesso ao roteiro. 
 
O TheWrap afirma ter lido a história que o roteirista diz ser a original e afirma que, de fato, há muitas similaridades entre os dois roteiros, embora este tipo de acusação seja comum em Hollywood, especialmente no que diz respeito a filmes de grande sucesso. Desde sua estreia, "Elysium", que também tem Alice Braga no elenco, já arrecadou mais de US$ 272 milhões.  
 
$!$render-component.split('/')[$math.sub($render-component.split('/').size(), 1)]
Topo