Cinema

"Tive questões familiares", diz ator que desistiu de "50 Tons de Cinza"

Kevin Winter/Getty Images
7.set.2013 - O ator Charlie Hunnam na première da sexta temporada da série "Sons of Anarchy", do FX, em Hollywood imagem: Kevin Winter/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

O ator Charlie Hunnam fez neste domingo (20) a primeira aparição pública desde que desistiu de interpretar Christian Grey na adaptação de "50 Tons de Cinza" para os cinemas. O ator participou de um evento que incentiva programas de educação na África, realizado na Califórnia.

Ao site E! Online, o ator da série "The Sons of Anarchy" disse que está concentrado em seu trabalho, ao ser questionado sobre sua saída do filme. "Estou bem. Estou concentrado no meu trabalho. Estou bastante ocupado".

"Eu tive algumas questões familiares, então estou tentando me manter focado e com o pensamento positivo e tentando continuar fazendo um bom trabalho e estar com minha família".

Segundo o site especializado em celebridades, o pai de Charlie morreu em maio deste ano e o ator voltou para a Inglaterra para fica com sua família quando isso aconteceu. "Como eu disse, tive alguns assuntos familiares para tratar. Então, quando a série acabar vou voltar para a Inglaterra para ficar com eles. Depois, estarei envolvido no novo filme de Guillermo del Toto (Crimson Peak, previsto para 2015). Depois, estarei concentrado na última temporada de 'Sons'".

Oficialmente, a Universal comunicou que Hunnam tem uma intensa programação de gravações da série "Sons of Anarchy" e não poderia se preparar para o longa. No entanto, a Variety afirma que produtores da série e do filme já haviam entrado em um acordo de agenda para que os dois projetos fossem tocados simultaneamente.

Por isso, sites especularam que o motivo da saída do ator do filme poderia ter a ver com sua insatisfação em relação às cenas de sexo ou o excesso de exposição. "Ele odeia atenção e estar em '50 Tons' iria forçá-lo a fazer muita mídia. Isso realmente não tem nada a ver com ele. Charlie não quer ser muito famoso. Ele também odeia quando dizem o que deve fazer. Esse papel iria obrigá-lo a ser algo que não é", disse uma fonte ao E!, logo depois da desistência de Hunnam. 

$!$render-component.split('/')[$math.sub($render-component.split('/').size(), 1)]

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo