Cinema

"Por que a América é robofóbica?", questiona Jackson em trailer de RoboCop

Do UOL, em São Paulo

Personagem interpretado por Samuel Jackson no novo "RoboCop", remake dirigido pelo brasileiro José Padilha ("Tropa de Elite") do clássico policial de 1987, Pat Novak questiona o medo dos americanos de máquinas no novo trailer do filme.

Ao defender a introdução de máquinas no policiamento doméstico norte-americano, Novak, um carismático magnata da mídia, lembra o fato de as novas tecnologias já estarem sendo em outros lugares do mundo. "Por que não podemos usar essas máquinas em casa? Por que a América é tão robofóbica?", questiona.

O novo RoboCop teve a data de estreia no Brasil adiantada de 21 de fevereiro para 31 de janeiro de 2014. Com a mudança, o filme chegará ao circuito comercial brasileiro uma semana antes de estrear nos Estados Unidos.

O longa reconta a trajetória do policial Alex Murphy, um pai de família dedicado e um exemplo de cidadão, que fica seriamente ferido em serviço. Com o corpo reconstruído, Murphy se transforma em RoboCop, um ciborgue destinado a trabalhar para o conglomerado multinacional OmniCorp.

Relembre o primeiro trailer do filme:

Murphy é vivido pelo ator Joel Kinnaman, famoso por interpretar Stephen Holder na versão americana da série "The Killing".

Além de Kinnaman, o filme conta com um elenco com estrelas como Michael Keaton, Samuel L. Jackson e Gary Oldman. O personagem-título aparece com um novo design, diferente da versão de 25 anos atrás.

$!$render-component.split('/')[$math.sub($render-component.split('/').size(), 1)]

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo