! "'O Lobo de Wall Street' não defende, mas acusa ganância", diz DiCaprio - 31/12/2013 - UOL Entretenimento

Filmes e séries

"'O Lobo de Wall Street' não defende, mas acusa ganância", diz DiCaprio

Do UOL, em São Paulo

31/12/2013 14h56

Leonardo DiCaprio e Martin Scorsese, estrela e diretor do filme "O Lobo de Wall Street", estão sendo acusados de glamorizar o estilo de vida de "escapadas sexuais divertidas e farras com cocaína" vividos pelo protagonista. O longa deve estrear no Brasil no dia 24 de janeiro. 

Assista ao trailer legendado

No filme, DiCaprio interpreta Jordan Belfort, um corretor da bolsa de valores americana condenado a quatro anos de prisão por um caso de fraude. A acusação partiu de Christina McDowell, cujo pai, Tom Prousalis, era um dos sócios de Belfort. Segundo ela, o filme "exacerba nossa obsessão nacional por riqueza e status" e "glorifica o comportamento psicopático".

Em entrevista à revista "Variety", DiCaprio, que também é produtor do filme, se defendeu dizendo que a produção pode ser mal interpretada por alguns. "Espero que as pessoas entendam que não estamos tolerando esse comportamento, nós estamos acusando isso", disse ele à publicação. O livro já é um conto de advertência, e se você prestar atenção ao final do filme vai perceber o que estamos dizendo sobre essas pessoas e sobre este mundo intoxicante";

McDowell ainda disse em carta aberta à revista "LA Weekly" que foi obrigada a mudar de nome depois que seu pai roubou sua identidade para lavar dinheiro. Segundo ela, o filme finge que esses esquemas são entretenimento. Ela ainda acusa o filme de ser misógino e degradante para as mulheres.

DiCaprio ainda disse que um dos motivos para ter aceitado fazer o filme foi a extrema sinceridade de Belfort. "É raro quando alguém não tem medo de dizer o quanto obscuro foi...Eu fiquei obcecado por interpretar um personagem que me fez compreender a mentalidade de sedução e ganância de Wall Street. Apreciei sua honestidade".

Confusão com a PETA

Essa não é a primeira polêmica envolvendo o filme. A produção também virou alvo da Peta (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais), pelo uso de um chimpanzé em uma das cenas. O animal pode ser visto no trailer oficial do filme no colo de Leonardo DiCaprio usando uma camisa, calça e um par de patins.

Segundo a instituição que atua em defesa dos animais, o chimpanzé do filme pertence a uma família, Rosaires, famosa por viajar pelo país com seu circo, que tem como atração macacos adestrados. A família é acusada de maltratar os animais ao, por exemplo, envolver o pescoço dos bichos com uma corda para evitar que eles machuquem os espectadores.

Ainda segundo a Peta, a produção de Scorsese não contratou um adestrador especializado em macacos para atuar no set de filmagens. "Nós enviamos a DiCaprio um vídeo, narrado por Anjelica Huston, que detalha como os chimpanzés e outros macacos usados para o entretenimento são tirados de suas mães logo após o nascimento, causando danos psicológicos irreversíveis".

A organização ainda diz em seu site oficial que o ator, "apesar de ser visto como alguém que se preocupa com o meio-ambiente, não fez nada para que a cena fosse removida e não respondeu ao apelo".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
AFP
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Da Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
Chico Barney
do UOL
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Cinema
do UOL
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
do UOL
Da Redação
EFE
do UOL
AFP
Topo