! Filmes de heroínas são mal-feitos e focam na sexualidade, critica Johansson - 08/04/2014 - UOL Entretenimento

Filmes e séries

Filmes de heroínas são mal-feitos e focam na sexualidade, critica Johansson

Cleide Klock

Do UOL, em Manhattan Beach (Califórnia, EUA)

08/04/2014 05h00

Quando o diretor diz "ação", a Viúva Negra se joga dentro do carro, de arma em punho, no colo do Capitão América e ao lado de Falcão, que acelera. A cena se repete mais de dez vezes. A roupa justíssima destaca ainda mais as curvas e a cintura invejável, já os cabelos vermelhos deixam mais reluzentes a pele e os olhos claros.

A reportagem do UOL passou um dia nos estúdios Marvel durante as filmagens de "Capitão América 2: O Soldado Invernal" e encontrou uma das atrizes mais desejáveis do planeta. "Depois de três filmes ("Homem de Ferro 2" e "Os Vingadores"), agora me sinto muito mais confortável nesse papel. Acho que já perdi o medo", conta Scarlett Johansson.

A atriz diz que nesta sequência de "Capitão América" vai ser possível saber um um pouco mais da personagem, conhecida pelas falas fortes e sem meias palavras. "Tem sido divertido poder desvendar o seu passado e descobrir mais sobre a personalidade dela. A Viúva é tão cheia de disfarces e é emocionante revelar diferentes partes de sua vulnerabilidade. Ela não é só fria, ela é intrigante, há algo misterioso sobre ela que me atrai, e eu acho que isso é o que a faz ser mais interessante".

Super-heroínas

E inevitavelmente vem a pergunta: você gostaria de ver um filme só dela? "Com certeza seria possível, mas tudo depende da demanda: se os fãs estiverem interessados, acredito que saia."

Porém, a discussão vai além. Apesar de sabermos que os super-heróis (homens) são maioria nos quadrinhos --grande parte foi criada durante a Segunda Guerra Mundial, em uma época que o politicamente correto não estava em voga--  a próxima pergunta é: Por que você acha que, ainda hoje em dia, há tão poucos filmes com super-heroínas no papel principal?

$!$render-component.split('/')[$math.sub($render-component.split('/').size(), 1)]

"Acho que é porque, tradicionalmente, eles não são muito bem feitos e estão normalmente focados na sexualidade, que não é o que mais interessa num longa-metragem de super-herói. A personagem até pode ser sensual, mas precisa ser corajosa, colocar a mão na massa, ter mais um cenário 'La Femme Nikita' do que ser um monte de poses e roupas colantes como acontece com frequência. Na maioria das vezes, as mulheres são usadas em filmes de super-heróis como a donzela em perigo, e acredito ser difícil para os estúdios mudar esse conceito. Mas, tenho certeza que o público gostaria dessa mudança", diz a atriz.

Universo de Heróis

Johansson confessa que não cresceu acompanhando o mundo dos super-heróis nem lendo história em quadrinhos. Assistia apenas a algumas produções como as do Superman e o Batman do diretor Tim Burton. Mas lembra que era fã do Surfista Prateado, não pelos poderes que ele tinha, mas sim pelo visual cheio de charme. "Depois de fazer o 'Homem de Ferro 2', comecei a conhecer melhor essas histórias e o fato de fazer parte da família Marvel fez eu apreciar mais esse gênero".

De acordo com a atriz, as acrobacias e lutas também ficam mais fáceis a cada dia, mas exigem que ela entre no set super em forma, já que demanda muito esforço físico. O fato de ter saído de uma peça da Broadway direto para as filmagens a ajudou bastante. "Mas, o que eu faço não está nem perto do que Hugh Jackman se submete quando precisa interpretar Wolverine, ele sim que é um herói na vida real", cita Johansson.

Se antes eram "apenas" os marmanjos que eram fãs da atriz de corpo perfeito e voz mais do que sensual, agora há outra legião que a para quando a encontra na rua. "Eu definitivamente tenho um grupo muito mais variado de fãs agora do que antes, um público muito mais jovem. Depois de fazer a Viúva, as crianças me acham super legal. Apesar de que, sem o cabelo vermelho, nem me reconhecem", brinca.

E, mais um fã está a caminho: Scarlett está grávida de cinco meses do jornalista francês Romain Dauriac, seu noivo desde setembro de 2013. Mas mesmo assim começa a gravar "Os Vingadores 2" ainda em abril.

$!$render-component.split('/')[$math.sub($render-component.split('/').size(), 1)]

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
Reuters
Roberto Sadovski
do UOL
EFE
do UOL
Topo