Cinema

Associação é acusada de homofobia por restringir faixa etária de filme gay

Do UOL, em São Paulo

A associação que determina a classificação indicativa dos filmes dos Estados Unidos, a MPAA (Motion Picture Association of America), está sendo acusada de homofobia por dar uma "R rating" a um drama gay sem cenas de nudez ou violência. O "R", de "restrito", significa que o filme só pode ser visto por maiores de 17 anos, ou menores, desde que acompanhados dos pais ou outro adulto.

Estrelado por John Lithgow e Alfred Molina, "Love Is Strange" conta a história de um professor de uma escola católica, George (Molina), que perde o emprego depois que seu casamento com Ben (Lithgow) chega aos ouvidos da arquidiocese. O casal perde o apartamento em Nova York e é obrigado a viver em casas separadas, com parentes.

 No trailer (acima), Kate (Marisa Tomei) diz que o amor e o comprometimento do casal são exemplos a serem seguidos. Logo depois, George é demitido do colégio onde trabalha e pede um lugar para ele e o marido enquanto as coisas não se resolvem. Ben enfrenta problemas com seu sobrinho-neto adolescente, com quem tem que dividir o quarto. 

A mesma restrição indicativa foi dada para o sangrento "Sin City 2". Já o também violento "Os Mercenários 3" ganhou uma classificação mais branda, para menores de 13 anos. "Se há uma semelhança entre esses três filmes, eu ainda não captei e acredito que ninguém captou, além dos censores da MPAA. Não há nada de violento ou explícito. Mostra a vida comum de um casal gay...Difícil imaginar que o mesmo aconteceria se o filme fosse estrelado por Robert Duvall e Jane Fonda", escreveu o crítico Stephen Whitty, do "Star-Ledger", jornal de Nova Jersey. 

Em sua defesa, o MPAA declarou que "a restrição é para filmes que contenham uma linguagem forte, independentemente do assunto". Exibido nos festivais de Sundance, Tribeca e Berlim, o filme é sucesso de crítica e ganhou 94% de avaliação positiva no site Rotten Tomatoes. O filme tem estreia prevista para 25 de dezembro no Brasil. 

Mesmo com a restrição, o longa teve uma boa estreia nos Estados Unidos no último final de semana. Exibido em apenas cinco salas, arrecadou US$ 126 mil. A intenção da Sony Pictures é expandir o número de salas para as próximas semanas. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo