Topo

Filmes e séries


Andrew V. McLaglen, diretor de faroestes, morre aos 94 anos

Andrew V. McLaglen em set de filmagem - Divulgação
Andrew V. McLaglen em set de filmagem Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

03/09/2014 10h47

O diretor Andrew V. McLaglen morreu no último sábado (30), aos 94 anos. De acordo com informações do site The Hollywood Reporter, o cineasta estava em sua casa em Friday Harbor, nas ilhas San Juan, Estado de Washington. A causa da morte não foi divulgada.

McLaglen se tornou conhecido no mundo do faroeste com filmes como “Atirar para Matar” e cinco outras produções com John Wayne, um dos grandes nomes do gênero, como protagonista. Entre as décadas de 60 e 70, filmou “Quando um Homem É Homem”, “Chisum”, “Chalil, o Xerife do Oeste”, “Jamais Foram Vencidos” e “Heróis do Inferno”, um drama sobre bombeiros.

Cena de "Quando um Homem É Homem", com John Wayne - Divulgação
Cena de "Quando um Homem É Homem", com John Wayne
Imagem: Divulgação
Na TV, dirigiu episódios de séries como a famosa “Perry Manson” e as de western “Gunshot” e “Paladino do Oeste” (esta exibida no Brasil na década de 1970 pela Bandeirantes).

A ligação com o mundo do faroeste veio do berço. McLaglen era filho do ator britânico Victor McLaglen, que se mudou para Hollywood quando o filho tinha acabado de nascer, no início da década de 1920. Já nos Estados Unidos, Andrew cresceu nos sets de filmagens em que seu pai trabalhava ao lado de John Wayne e do mestre do faroeste americano John Ford. Dizia, em entrevistas, que aprendera o ofício durante essas visitas.

McLaglen também dirigiu outros atores da época de ouro de Hollywood, como James Stewart (“Shenandoah”), Doris Day (“A Indomável”), Dean Martin (“Os Renegados” ) e Kirk Douglas (“Desbravando o Oeste”). Longe do western, se aventurou na comédia familiar da Disney “Este Mundo é um Circo”, em 1967. 

Filmes e séries