Filmes e séries

"Branco Sai. Preto Fica" vence o 47º Festival de Brasília

Mariane Zendron

Do UOL, em Brasília

24/09/2014 00h26

O filme "Branco Sai. Preto Fica", de Adirley Queirós, levou o prêmio de melhor filme e R$ 250 mil do Festival de Brasília 2014. A partir de uma ação violenta da polícia em 1986, o filme discute racismo e o isolamento da periferia de Brasília.

Assim que o prêmio máximo foi anunciado, foi informado que os diretores de todos os longas dividiriam o prêmio de R$ 250 mil em seis partes iguais. Argumentaram que há uma disparidade nos prêmios e isso incentiva uma competitividade entre as produções.

O melhor curta-metragem foi para"Sem Coração", de Nara Normande e Tião, que conta a história de uma menina que transava com os meninos de sua turma para ser aceita.

Com seis longas e 12 curtas na competição, o Festival de Brasília contou com dois filmes clássicos do cinema brasileiro na abertura e no fechamento: “Deus e o Diabo na Terra do Sol" (1964), de Glauber Rocha, e “Cabra Marcado para Morrer” (1984), de Eduardo Coutinho. O Festival ainda exibiu um curta inédito de Coutinho, cineasta morto em fevereiro deste ano.

No ano em que aboliu a separação entre documentário e ficção nas mostras competitivas, o Festival de Brasília trouxe justamente obras que misturavam os dois gêneros.

Em "Ela Volta na Quinta", o diretor André Novais Oliveira usou seus pais Maria José e Norberto, e seu irmão, Renato, para contar a história de um casal em crise. Toda os familiares emprestam seus nomes aos personagens, e o cenário é a casa da família.

"Ventos de Agosto", de Gabriel Mascaro, usa uma lógica parecida. O diretor escalou moradores de uma vila de pescadores para criar uma fábula sobre a relação com a vida e a morte. Já Brasil S/A, de Marcelo Pedroso, conta a história de um cortador de cana com um homem que já cortou cana na vida real.

Crescimento de público

O Festival de Brasília aumentou o incentivo à participação do público em sua 47ª edição. Além do tradicional Cine Brasília, as cidades de Sobradinho, Gama, Ceilândia e Taguatinga também receberam a mostra competitiva. Apesar de as cidades-satélites já terem sido incluídas em anos anteriores, as escolas públicas dessas regiões foram mais atuantes.

Espectadores e estudantes das quatro cidades, e também de Planaltina, foram incentivados a participar de debates com as equipes dos filmes, levadas aos campi da Universidade de Brasília, IESB e da Universidade Católica. O público que compareceu às sessões foi estimulado a votar nos filmes e assim se integrar ao Júri Popular.

Segundo o secretário-adjunto de Cultura do DF, Miguel Ribeiro, a iniciativa resultou em um aumento do público geral do festival, que passou de cerca de 20 mil em 2013, para 36 mil este ano. "A mudança foi fundamental porque a população também se apropriou do festival. O alcance que as obras tiveram também foi muito maior", disse Ribeiro ao UOL.

Veja lista dos vencedores do Festival de Brasília com respectivos prêmios em dinheiro:

Filme de curta-metragem

1.       Melhor montagem: "Sem Coração"  - R$ 10 mil

2.       Melhor som: "Geru" - R$ 10 mil

3.       Melhor trilha sonora:  "Loja de Répteis" - R$ 10 mil

4.       Melhor direção de arte: "Loja de Répteis" - R$ 10 mil

5.       Melhor fotografia: "Loja de Répteis" - R$ 10 mil

6.       Melhor roteiro: "Estátua!" - R$ 10 mil

7.       Melhor atriz: Maeve Jinkings por "Estátua!" - R$ 10 mil

8.       Melhor ator: Zé Dias por "Geru" - R$ 10 mil

9.       Melhor direção: Nara Normande e Tião por "Sem Coração" - R$ 15 mil

Júri Popular

10.   Melhor filme de curta-metragem: "Crônicas de Uma Cidade Inventada" R$ 25 mil

Filme de curta-metragem júri oficial

11.   Melhor filme de curta-metragem: "Sem Coração" - R$ 35 mil

Filme de longa-metragem

12.   Melhor montagem: Brasil S/A" - R$ 15 mil

13.   Melhor som: "Brasil S/A" - R$ 15 mil

14.   Melhor trilha sonora: "Brasil S/A" - R$ 15 mil

15.   Melhor direção de arte: "Branco Sai. Preto Fica" - R$ 15 mil

16.   Melhor fotografia: "Ventos de Agosto" - R$ 15 mil

17.   Melhor roteiro: "Brasil S/A" - R$ 15 mil

18.   Melhor atriz coadjuvante: "Élida Silpe" por "Ela Volta na Quinta" - R$ 10 mil

19.   Melhor ator coadjuvante: "Renato Novais" por "Ela Volta na Quinta" - R$ 10 mil

20.   Melhor atriz: "Dandara de Moraes" por "Ventos de Agosto" R$ 15 mil

21.   Melhor ator: "Marquim Do Tropa" por "Branco Sai. Preto Fica" - R$ 15 mil

47. Melhor direção: Marcelo Pedroso por "Brasil S/A" - R$ 30 mil

Júri Popular

48. Melhor filme de longa-metragem: "Sem Pena" - R$ 50 mil

Filme de longa-metragem júri oficial

49. Melhor filme de longa-metragem: "Branco Sai. Perto Fica" - R$ 250 mil

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

EFE
do UOL
Colunas - Flavio Ricco
do UOL
do UOL
Da Redação
do UOL
do UOL
Cinema
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
Reuters
Roberto Sadovski
do UOL
Cinema
EFE
do UOL
UOL Jogos
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Colunas - Flavio Ricco
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
Cinema
do UOL
do UOL
Roberto Sadovski
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Jogos
Cinema
EFE
do UOL
UOL Cinema - Imagens
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo