Cinema

"Velozes 7" ultrapassa "Frozen" e conquista 5ª maior bilheteria da história

Do UOL, em São Paulo

Com seus US$ 1,3 bilhão de bilheteria fora dos EUA, “Velozes e Furiosos 7” se tornou a 5ª maior bilheteria da história do cinema, deixando para trás arrasa-quarteirões como “Frozen” e “Homem de Ferro 3”.

O sétimo episódio da franquia é o terceiro filme na história a ultrapassar a marca de US$ 1 bi no mercado internacional, depois de "Avatar e Titanic".

O longa também se tornou o primeiro filme a permanecer em primeiro lugar por quatro semanas consecutivas nos EUA, desde "Jogos Vorazes", em março de 2012.

Tudo indica que o filme ainda roubará o quarto lugar de “Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2”, embora a sequência tenha que enfrentar a concorrência pesada de “Vingadores: A Era de Ultron”, que estreia nesta semana nos Estados Unidos.

No Brasil, o filme já estreou na última quinta-feira (23) e chegou a arrecadar mais de US$ 200 milhões de dólares, nos 44 países onde estreou antecipadamente. O primeiro filme coletivo dos super-heróis figura no 3° lugar entre as produções que mais arrecadaram na história do cinema. 

1- "Avatar" (2009)
2- "Titanic" (1997)
3- "Os Vingadores" (2012)
4- Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2 (2011)
5- "Velozes e Furiosos 7" (2015)"
6- Frozen - Uma Aventura Congelante" (2013)
7- "Homem de Ferro 3" (2013)
8- "Transformers: O Lado Oculto da Lua" (2011)
9- "O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei" (2003)
10 - "007 - Operação Skyfall" (2012)

Assista ao trailer legendado de "Velozes e Furiosos 7"

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo