Cinema

Roteirista da série "Demolidor" vai escrever novo "Akira"

Reprodução
Cena de "Akira" (1988), longa animado dirigido por Katsuhiro Otomo imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

Marco Ramirez, roteirista da série do Netflix "Demolidor", vai assinar a nova adaptação da história do mangá japonês "Akira" para os cinemas. A informação é do site da revista "The Hollywood Reporter.

Agora em "live action" (com atores de carne e osso), o longa será produzido por Andrew Lazar ("Sniper Americano") e pela Appian Way, produtora do ator Leonardo DiCaprio. O projeto tem assinatura dos estúdios Warner Bros, que adquiriram os direitos sobre a história em 2008. O japonês Katsuhiro Otomo, criador do mangá original, é um dos produtores-executivos

Atualmente, o filme está parado nas mãos do diretor Jaume Collet-Serra, que assumiu a empreitada após Albert Hughes deixar a produção, devido a restrições orçamentárias impostas pela Warner. Orçado originalmente em US$ 180 milhões, o longa precisará ser finalizado com US$ 60 milhões.

Nos primeiros rumores sobre a adaptação, a trama seria transportada de Tóquio para Nova York, com Ken Watanabe e Kristen Stewart no elenco. Nenhum nome, no entanto, foi confirmado oficialmente. Também não há previsão de lançamento.

Criado por Katsuhiro Otomo, "Akira" se tornou um sucesso mundial após o longa japonês produzido em 1988. Influenciada pela estética cyberpunk, a história futurista retrata o duelo de gangues de motoqueiros em um Japão dizimado pela Terceira Guerra Mundial.

Dirigido pelo próprio Otomo, o filme é considerado uma das maiores animações de ficção científica em todos os tempos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo