PUBLICIDADE
Topo

"Orgulho e Preconceito e Zumbis" terá heroína "mais durona", diz atriz

Beatriz Amendola

Do UOL, em San Diego (EUA)

11/07/2015 21h45

Paródia do clássico de Jane Austen, "Orgulho e Preconceito e Zumbis" foi divulgado na Comic-Con de San Diego neste sábado (11), com a presença do elenco, do diretor Burr Steers e do autor do livro que deu origem à adaptação, Seth Grahame-Smith.

Um dos que mais falou no painel, o escritor disse acreditar que Austen aprovaria seu livro. "Quando escrevi o livro, não havia expectativas de que ele seria lido", afirmou. "Mas quando virou um sucesso, fiquei muito assustado, porque Austen tem uma comunidade de fãs muito forte e achei que eles fossem querer me matar. Mas fiquei surpreso, porque eles têm senso de humor. E Jane Austen era uma pessoa muito engraçada, então gostaria de pensar que ela levaria numa boa".

O autor contou que exagerou as características dos personagens originais da autora britânica para o seu livro: "A intenção para todos era pegar as características originais e levá-las a um nível ridículo".

Lily James, a protagonista Elizabeth Bennet, concordou. "Ela já é uma mulher independente no livro, mas nessa versão ela ficou muito mais forte e durona".

O resultado do filme agradou a Grahame-Smith. "O filme é feito de forma elegante, tem boas atuações, figurinos elaborados. Mas também tem zumbis, e funciona", concluiu.

"Orgulho e Preconceito e Zumbis" tem estreia marcada para fevereiro de 2016.