Cinema

Apesar de triplicar lucro, Sony tem perda de US$96 milhões no cinema

Do UOL, em São Paulo

A gigante Sony, quinto maior conglomerado de mídia do mundo, sofreu uma prejuízo de US$ 96 milhões na divisão de cinema e TV, apesar de os lucros gerais da empresa terem triplicado do primeiro quarto deste ano, de acordo com a imprensa internacional.

De abril a junho deste ano, a empresa teve um faturamento inalterado de US$ 14,8 bilhões a lucro líquido de US$ 676 milhões, segundo balanço financeiro divulgado pela própria empresa.

No entanto, o seguimento de cinema, que inclui a Sony Pictures Entertainment, produções de TV e redes de mídia, viu uma queda de 12% na receita de US$ 1,41 bilhão. O lucro que era de US$78 milhões passou para perda de US$ 96 milhões.

Ano passado, o estúdio lançou blockbusters como o "O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro" e "Anjos da Lei 2", que geraram boas receitas para empresa.

Ciberataque coreano e saída de Amy Pascal

Soma-se à falta de grandes estreias em 2015 o ataque virtual que a companhia sofreu no final do ano passado. A autoria  foi assumida pelo grupo norte-coreano "Guardians of Peace", em represália ao lançamento do filme "A Entrevista". Na comédia, os atores James Franco e Seth Rogen interpretam dois jornalistas recrutados pela CIA para matar o líder norte-coreano Kim Jong Un.

O ataque causou uma série de constrangimentos à Sony com a divulgação de informações confidenciais sobre atores, diretores e vários de seus funcionários, incluindo executivos de alto-escalão.

Dois meses depois do ataque, a copresidente da empresa, Amy Pascal, anunciou sua renúncia ao cargo. Na empresa desde 1988, a veterana executiva foi a mais prejudicada pelo ataque. Em alguns de seus e-mails que vazaram, ela chegou a dizer que Leonadro DiCaprio é "desprezível" e que Angelina Jolie é uma "garota mimada".

Semanas antes da renúncia de Pascal, O presidente-executivo da Sony, Kazuo Hirai, acreditava que o ciberataque não teria um impacto financeiro significativo. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo