Cinema

"Eu acreditava naquele filme", diz Nicolas Cage sobre "Superman Lives"

Reprodução
Nicolas Cage com o uniforme do Superman em 1996 imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

Com quase 30 anos de carreira, Nicolas Cage voltará aos cinemas nos Estados Unidos em 7 de agosto, quando estreia o filme "The Runner". No enredo, o astro interpreta um deputado idealista que vê sua carreira ir por água abaixo após ele se envolver em um escândalo sexual em Nova Orleans. Para falar sobre o filme, o ator deu uma entrevista ao site "Yahoo Movies". Durante o bate-papo, ele relembrou o projeto "Superman Lives", quando ele quase interpretou o Homem de Aço em um longa.

O projeto teria a direção de Tim Burton, que fez "Batman" (1989) e "Batman: O Retorno" (1992), e era para ter sido o quinto filme a levar o super-herói de Krypton para o cinema. Porém, não passou da pré-produção em 1996. 
 
Na entrevista, Cage afirmou que qualquer coisa que ele fale sobre o filme vira uma bola de neve. "Mas eu vou dizer. Eu acreditava naquele filme e na visão que Tim Burton tinha para o filme. Eu amaria assisti-lo", disse o ator.
 
"Mas eu sinto que, de muitas maneiras, foi um um tipo de situação ganha/ganha porque agora nós temos o poder da imaginação. Eu acho que as pessoas podem assistir ao filme em suas mentes e imaginá-lo de muitas maneiras diferentes, o que ressoa mais profundamente do que se o projeto tivesse sido finalizado", completou Cage, que ainda fez vários elogios a Tim Burton. 
 
"Tim é o artista total, um artista puro com uma visão real, e eu sempre digo que ele pode criar mundos e que é exatamente isso que ele faz. Eu vi alguns dos testes de diferente personagens e figurinos para Krypton, e eles eram surreais e tão mágicos e bonitos. Ele é definitivamente um dos meus cineastas favoritos pela sua originalidade, pela sua visão."
 
Recentemente, o projeto foi resgatado em um documentário que conta a sua história. Intitulado "The Death of 'Superman Lives': What Happened?" ("a morte de 'Superman Lives': o que aconteceu?", em livre tradução), o filme dirigido por Jon Schnepp mostra bastidores e curiosidades do longa não-realizado. O documentário estreou nos Estados Unidos no início de julho. No Brasil, não há previsão de que chegue aos cinemas.  

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo