Cinema

John Green defende Cara Delevingne depois de entrevista polêmica para TV

Do UOL, em São Paulo

Depois de uma entrevista polêmica a um telejornal norte-americano, na qual a estrela de “Cidades de Papel”, Cara Delevingne, pareceu estar mal-humorada e sem vontade de falar com os apresentadores --que cortaram sua participação--, John Green, produtor-executivo do filme e autor do livro que deu origem a ele, interveio para defender a atriz.

Green escreveu um artigo na rede Medium nesta quinta-feira (30), no qual apoia Delevingne e chama atenção para o fato de que uma das âncoras perguntou à atriz se ela havia lido o livro no qual o filme se baseia. Ele relembrou que, durante a turnê de lançamento de “Cidades de Papel”, essa pergunta apareceu muitas vezes durante as entrevistas.

"Cara leu o livro (várias vezes), mas a questão é chata --até porque a estrela masculina do filme, Nat Wolff, foi quase sempre perguntado quando ele tinha lido o livro, enquanto Cara foi quase sempre perguntada se ela o tinha lido", Green escreveu.

O escritor anda disse que todo o processo de divulgação do lançamento de um filme é “desumanizante” e que ele "meio que desistiu” disso e hoje responde apenas às perguntas programadas. Delevingne, no entanto, não seguiu esse caminho.

"Cara se recusa a ficar no roteiro," Green escreveu. "Ela se recusa a entrar em questões preguiçosas e se recusa a transformar-se em um robô para aguentar longos dias de entrevistas. Eu não acho que é um comportamento arrogante. Acho admirável. Cara Delevingne não existe para alimentar suas narrativas ou seus feeds de notícias --e é precisamente por isso que ela é interessante para c*ralho", concluiu.

Resposta

Cara Delevingne já havia quebrado o silêncio e falado sobre o assunto no seu perfil no Twiiter. Sem citar nomes, ela disse na rede social que "algumas pessoas simplesmente não entendem sarcasmo nem o senso de humor britânico".

Em seguida, a atriz compartilhou uma mensagem do cantor Boy George. "Eu entendo", escreveu ele em resposta ao tweet de Delevingne.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo