Cinema

Clássico "Papillon", ambientado na Ilha do Diabo, vai ganhar remake

Reprodução
Steve McQueen em cena de "Papillon" (1973), dirigido por Franklin J. Schaffner imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

O longa "Papillon", drama de 1973 estrelado por Steve McQueen e Dustin Hoffman, vai ganhar um remake dirigido pelo dinamarquês Michael Noer ("R" e "Northwest"). A informação foi publicada nesta quinta (8) pelo site da revista "The Hollywood Reporter".

A produção do novo filme será encabeçada por Red Granite, de "O Lobo de Wall Street", com roteiro de Aaron Guzikowski ("Os Suspeitos"). Ainda não há informação sobre os possíveis atores da trama.

Baseado na autobiografia homônima do escritor Henri Charrière, a história retrata o cotidiano de uma prisão desumana na Ilha do Diabo, na Guiana Francesa.

O filme original, dirigido por Franklin J. Schaffner, acompanha um prisioneiro (McQueen) que é condenado injustamente por um assassinato na França, em 1930.

Dustin Hoffman vive um falsificador que concorda em financiar fugas da prisão de Papillon ("Borboleta", em francês, e apelido de Charrière).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo