Filmes e séries

Hashtag racista sobre novo "Star Wars" é repudiada e vira piada entre fãs

Do UOL, em São Paulo

20/10/2015 11h34

O novo trailer de "Star Wars: O Despertar da Força" causou comoção na internet. Entre vivas, choros e risos, também apareceu uma meia dúzia de racistas para odiar o que viu: um negro herói. No entanto, a hashtag  #BoycottStarWarsVII criada por essas pessoas bombou pelo repúdio da maioria dos fãs do filme.

Os poucos que aderiram seriamente o boicote disseram, entre outras coisas, que "JJ. Abrams é um judeu ativista que está promovendo o genocídio dos brancos". Outra conta afirmou que os "justiceiros sociais reclamam de apropriação indevida de culturas e em seguida criam um 'Star Wars' não-branco".

A reação ao racismo foi imediata nas redes. Mesmo sendo disseminada primeiro nos Estados Unidos, a quantidade de brasileiros que desaprovou os comentários também foi grande. "Vou boicotar o filme porque sou um bebê apavorado com o mundo a minha volta". Outra internauta disse aderir ao movimento, mas por motivos diferentes dos haters. "Gosto do movimento #BoycottStarWarsVII! Quanto mais racistas boicotando o filme, menor a chance de um babaca sentar ao nosso lado no cinema!".

Outros internautas preferiram usar o humor para ridicularizar o comportamento racista.

"George Lucas lendo seus tuítes de #BoycottStarWarsVII".

"Aliens que falam inglês, física ruim & WOOKIES, mas vocês não conseguem aceitar um cara negro?"

"George Lucas e sua mulher rindo desses tuítes de #BoycottStarWarsVII".

"Para todos os fanáticos usando a tag #BoycottStarWarsVII: estúpidos vocês são, reproduzir-se não devem".

"Espero que os apoiadores de #BoycottStarWarsVII não descubram que a voz de Darth Vader era um homem negro".

Novo trailer

O novo trailer de "Star Wars: Episódio VII" foi divulgado nnos Estados Unidos durante o intervalo da partida de futebol americano entre os times Philadelphia Eagles e New York Giants. 

De volta à trama, Carrie Fisher, a Princesa Leia, tem uma breve aparição no trailer. Ela surge abraçada a Han Solo (Harrison Ford), mais um herói que agora retorna à trilogia, mas nem sinal de Luke Skywalker (Mark Hamill), que deve ser o grande mistério da trama.

Reprodução
Rey (Daisy Ridley) em meio a um combate em "Star Wars: O Despertar da Força" Imagem: Reprodução

O vídeo também reforça a ideia de que a catadora de sucata Rey (interpretada por Daisy Ridley) terá papel central na trama, algo que já foi indicado por sua posição central no cartaz do filme, divulgado no fim de semana. Ouvimos a jovem perguntando a Han Solo sobre histórias do passado, que ele diz serem todas verdadeiras. "O lado sombrio. Os Jedi. São reais", diz ele. Em seguida, ouvimos a voz de Leia, que parece também falar com Rey: "A Força. Está chamando por você. Deixe-a despertar". Será que Rey será uma nova Jedi?

O novo Star Wars será ambientado 30 anos após o "O Retorno de Jedi". O elenco contará com os protagonistas da série clássica --Harrison Ford, Mark Hamill, Carrie Fisher, Peter Mayhew e Anthony Daniels--, ao lado de novas adições: Daisy Ridley, John Boyega, Oscar Isaac, Lupita Nyong'o, Andy Serkis, Domhnall Gleeson, Max von Sydow, Gwendoline Christie e Adam Driver. O diretor é J.J. Abrams.

No Brasil, o filme tem previsão de estreia para 17 de dezembro de 2015. Segundo previsões, o longa deve bater todos os recordes de bilheteria no planeta. O site especializado Deadline prevê uma arrecadação de US$ 615 milhões a nível mundial já na abertura.

* Com informações da AFP

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
Reuters
do UOL
AFP
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
do UOL
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Cinema
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Cinema
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Cinema
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo