Música

Samba ganha mostra no Rio com 40 filmes

Reprodução
O cantor José Barbosa da Silva: mote do filme "O Rei do Samba" (1951) Imagem: Reprodução

Paulo Virgílio

Da Agência Brasil

02/12/2015 22h24

http://deezer.musica.uol.com.br/artista/4278359/jose-barbosa-da-silvaEm comemoração ao Dia Nacional do Samba, celebrado hoje (2), a Caixa Cultural do Rio de Janeiro está apresentando até o próximo dia 13 a inédita mostra de cinema O samba pede passagem. São 40 filmes, entre longas, médias e curta-metragens, dos gêneros ficção e documentário, selecionados pelo critério de serem obras que buscam ampliar o debate sobre a relevância sociocultural do samba.

Os filmes escolhidos pelos curadores da mostra, Gabriel Meyohas e Thiago Ortman, atravessam todas as épocas do cinema brasileiro, da chanchada aos documentários contemporâneos, passando pelo Cinema Novo e pelo cinema marginal. Também fazem parte da programação  filmes raros como "O Rei do Samba" (1951), cinebiografia de José Barbosa da Silva, o Sinhô, um dos mais importantes compositores da música popular nos anos 20 do século passado.

Documentários musicais que revisitam figuras como Cartola, Paulinho da Viola, Clementina de Jesus e Paulo Vanzolini estão entre os destaques. "Esses artistas geniais se destacaram ao perceber o samba não só como vértice da canção popular, mas como um movimento interessantíssimo para se contar histórias, chorar e sorrir o amor, descrever o espaço e almejar o empoderamento social", comenta o curador Meyohas, também cineasta e autor do curta Agoniza, mas não morre,  de 2011.

Além da exibição de filmes, fazem parte da mostra três mesas-redondas. A primeira ocorrerá na sexta-feira (4), às 18h, sobre A História Social do Samba, que será contada pelo historiador Luiz Antônio Simas e pelo poeta, compositor e produtor cultural Hermínio Bello de Carvalho.

No domingo (6), às 18h, a professora de Letras da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Giovanna Dealtry, e o professor de Filosofia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Bernardo Oliveira, debaterão o tema Samba, força de subversão, sobre a influência do gênero como força social, revolução, arte e construção de arquétipos. A terceira mesa, no dia 10, às 19h, será Noel, a Vila que fez samba também, uma aula cantada descontraída sobre o Poeta da Vila, a cargo do jornalista e biógrafo de Noel, João Máximo, e do cantor e pesquisador Alfredo Del Penho.

O Dia Nacional do Samba foi instituído há 53 anos, em dezembro de 1962, quando foi realizado no Rio o primeiro Congresso Nacional do Samba. A principal comemoração é o Trem do Samba, que arrasta multidões da Central do Brasil até o bairro de Oswaldo Cruz, na zona norte. Há alguns anos, porém, o trem sai no primeiro sábado de dezembro, para não prejudicar a circulação das composições no horário de pico do final da tarde.

A mostra de cinema O samba pede passagem tem ingressos a R$ 4, a inteira, e R4 2, a meia-entrada. A relação completa de filmes e os horários das sessões estão disponíveis no site www.caixacultural.gov.br . A Caixa Cultural fica na Avenida Almirante Barroso, 25, no centro do Rio.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
Música
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
TV e Famosos
do UOL
EFE
AFP
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
TV e Famosos
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
Adriana de Barros
UOL Música - Imagens
Colunas - Ricardo Feltrin
do UOL
do UOL
Da Redação
do UOL
Blog do Matias
Topo