PUBLICIDADE
Topo

DiCaprio finalmente leva Oscar e faz alerta sobre clima no planeta

Do UOL, em São Paulo

29/02/2016 01h55

Leonardo DiCaprio venceu finalmente Oscar de melhor ator. Nem a polêmica pela falta de diversidade entre os indicados, nem os seis prêmios conquistados por "Mad Max: Estrada da Fúria" conseguiram ofuscar a vitória do ator, que foi um dos pontos altos da cerimônia.

A vitória veio na sexta indicação de DiCaprio (incluindo uma como produtor de "O Lobo de Wall Street"), após derrotas em anos em que era considerado favorito, como 2005 (por "O Aviador") e 2014 (por "O Lobo de Wall Street").

Ao subir ao palco, o ator foi aplaudido de pé por parte da plateia e, em seu longo discurso agradeceu o ator Tom Hardy, parceiro em "O Regresso", e o diretor Alejandro G. Inárritu, que também levou a estatueta. "Tom, seu talento feroz na tela só pode ser superado por sua amizade fora das telas". "Obrigado a Alejandro G. Iñarritu e Chivo [diretor de fotografia Emmanuel Lubezki] por criarem uma experiência cinematográfica transcendente", acrescentou DiCaprio, com o Oscar (finalmente) na mão.

Diferentemente dos outros premiados, DiCaprio não foi interrompido pela Academia e agradeceu, em retrospecto, muitas pessoas que contribuíram para sua carreira desde o início, de Scorsese, seu diretor-parceiro de longa data, até Michael Caton-Jones, diretor de seu primeiro filme, "O Despertar de um Homem". Por fim, Leo agradeceu aos seus pais e aos seus amigos. Nas redes sociais, espectadores comentaram que faltou mencionar a atriz Kate Winslet, amiga do ator desde "Titanic", e que sempre demonstra seu apoio a ele.

Ativista conhecido por seu envolvimento em causas ambientais, o ator ainda falou sobre as mudanças climáticas e como a sua experiência com o filme só alimentou sua paixão na luta. "O Regresso' foi sobre a relação do homem com a natureza, um mundo que teve em 2015 o ano mais quente já registrado. Nossa produção teve que se mudar para a parte mais ao sul do planeta só para achar neve. A mudança climática é real. Está acontecendo agora".

E acrescentou: "É a ameaça mais urgente à nossa espécie, e precisamos trabalhar coletivamente e parar de procrastinar. Precisamos apoiar os líderes do mundo todo que não falam pelos grandes poluidores e grandes corporações, mas que falam por toda a humanidade, pelos povos indígenas do mundo, pelos bilhões e bilhões de pessoas desamparadas que serão as mais afetadas por isso, pelos nossos netos, e por essas pessoas que tiveram suas vozes afogadas pela ganância política".

"O Regresso" também foi o campeão de indicações ao ser lembrado em 12 categorias dos prêmios da Academia, levando três delas: ator, diretor e fotografia.

Em entrevistas, DiCaprio nunca escondeu o orgulho do trabalho ao lado do diretor Alejandro G. Iñárritu. "Não vou esconder que foi a filmagem mais difícil da minha vida, mas no final teve sua recompensa porque González Iñárritu traduziu esse esforço em uma obra de arte", disse DiCaprio.

O filme, baseado em fatos reais, narra a história de Hugh Glass (DiCaprio), um reconhecido explorador que foi atacado por um urso e abandonado por seus companheiros de expedição, mas cujo desejo de vingança lhe leva a sobreviver e empreender uma odisseia de centenas de quilômetros para encontrar os homens que o traíram.

Assista ao trailer de "O Regresso":

UOL Entretenimento

Veja abaixo a lista completa de premiados:

FILME

“A Grande Aposta”
“Ponte dos Espiões”
“Brooklyn”
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“Perdido em Marte”
“O Regresso”
“O Quarto de Jack”
“Spotlight – Segredos Revelados” - VENCEDOR

DIREÇÃO

Adam McKay, “A Grande Aposta”
George Miller, “Mad Max: Estrada da Fúria”
Alejandro G. Iñarritu, “O Regresso” - VENCEDOR
Lenny Abrahamson, “O Quarto de Jack”
Tom McCarthy, “Spotlight: Segredos Revelados"

ATOR

Bryan Cranston, “Trumbo - Lista Negra”
Leonardo DiCaprio, “O Regresso” - VENCEDOR
Eddie Redmayne, “A Garota Dinamarquesa”
Michael Fassbender, “Steve Jobs”
Matt Damon, “Perdido em Marte”

ATRIZ

Cate Blanchett, "Carol"
Brie Larson, "O Quarto de Jack" - VENCEDORA
Jennifer Lawrence, "Joy: O Nome do Sucesso"
Charlotte Rampling, "45 Anos"
Saoirse Ronan, "Brooklyn"

ATOR COADJUVANTE

Christian Bale, "A Grande Aposta"
Tom Hardy, "O Regresso"
Mark Ruffalo, "Spotlight - Segredos Revelados"
Mark Rylance, "Ponte dos Espiões" - VENCEDOR
Sylvester Stallone, "Creed: Nascido Para Lutar"

 

ATRIZ COADJUVANTE

Jennifer Jason Leigh, "Os Oito Odiados"
Rooney Mara, "Carol"
Rachel McAdams, "Spotlight"
Alicia Vikander, "A Garota Dinamarquesa" - VENCEDORA
Kate Winslet, "Steve Jobs"

 

ROTEIRO ORIGINAL

“Ponte dos Espiões”
“Ex-Machina: Instinto Artificial”
“Divertida Mente”
“Spotlight: Segredos Revelados” - VENCEDOR
“Straight Outta Comptom -– A História de N.W.A.”

 

ROTEIRO ADAPTADO

“A Grande Aposta" - VENCEDOR
"Brooklyn"
"Carol"
"Perdido em Marte"
"O Quarto de Jack"

ANIMAÇÃO

"Anomalisa"
"O Menino e o Mundo"
"Divertida Mente" - VENCEDOR
"Shaun, o Carneiro"
"As Memórias de Marnie"

DOCUMENTÁRIO

“Amy” - VENCEDOR
“Cartel Land”
“The Look of Silence”
“O Que Aconteceu, Miss Simone?”
“Winter on Fire”

FILME ESTRANGEIRO

“O Abraço da Serpente” (Colômbia)
“Cinco Graças” (França)
“O Filho de Saul” (Hungria) - VENCEDOR
“Theeb” (Jordânia)
“A War” (Dinamarca)

CANÇÃO ORIGINAL

“Earned It”, de "Cinquenta Tons de Cinza" (Abel Tesfaye/Ahmad Balshe/Jason Daheala/Stephan Moccio)
“Manta Ray”, de “A Corrida contra a Extinção” (J. Ralph/Antony Hegarty)
“Simple Song #3”, de “Juventude” (David Lang)
“Til It Happens To You”, de “The Hunting Ground” (Diane Warren/Lady Gaga)
“Writing’s On The Wall”, de “007 contra Spectre” (Jimmy Napes/Sam Smith) - VENCEDOR

TRILHA SONORA ORIGINAL

“Ponte dos Espiões” (Thomas Newman)
“Carol” (Carter Burwell)
“Os Oito Odiados” (Ennio Morricone) - VENCEDOR
“Sicário: Terra de Ninguém” (Jóhann Jóhannsson)
“Star Wars: O Despertar da Força” (John Williams)

FOTOGRAFIA

"Carol" (Ed Lachman)
"Os 8 Odiados" (Robert Richardson)
"Mad Max: Estrada da Fúria" (John Seale)
"O Regresso" (Emmanuel Lubezki) - VENCEDOR
"Sicário: Terra de Ninguém" (Roger Deakins)

MONTAGEM

"A Grande Aposta" (Hank Corwin)
"Mad Max: Estrada da Fúria" (Margaret Sixel) - VENCEDORA
"O Regresso" (Stephen Mirrione)
"Spotlight: Segredos Revelados" (Tom McArdle)
"Star Wars: O Despertar da Força" (Maryann Brandon e Mary Jo Markey)

FIGURINO

“Carol” - Sandy Powell
“Cinderella” - Sandy Powell
“A Garota Dinamarquesa” - Paco Delgado
“Mad Max: Estrada da Fúria” - Jenny Beavan - VENCEDORA
“O Regresso” - Jacqueline West

DESIGN DE PRODUÇÃO

“Ponte dos Espiões”
“A Garota Dinamarquesa”
“Mad Max: Estrada da Fúria” - VENCEDOR
“Perdido em Marte”
“O Regresso”

MAQUIAGEM E CABELO

“Mad Max: Estrada da Fúria” (Lesley Vanderwalt, Elka Wardega e Damian Martin) - VENCEDOR
“The 100-Year-Old Man Who Climbed out the Window and Disappeared” (Love Larson e Eva von Bahr)
“O Regresso” (Siân Grigg, Duncan Jarman e Robert Pandini)

EFEITOS VISUAIS

“Ex Machina” - VENCEDOR
“Mad Max: Estrada da Fúria”
“Perdido em Marte”
“O Regresso”
“Star Wars: O Despertar da Força”

EDIÇÃO DE SOM

"Mad Max: Estrada da Fúria" - VENCEDOR
"Perdido em marte"
"O Regresso"
"Sicário: Terra de Ninguém"
"Star Wars: O Despertar da Força"

MIXAGEM DE SOM

"Ponte dos Espiões"
"Mad Max: Estrada da Fúria" - VENCEDOR
"Perdido em Marte"
"O Regresso"
"Star Wars: O Despertar da Força"

CURTA DE ANIMAÇÃO

“Bear Story” - VENCEDOR
“World of Tomorrow”
“Prologue”
“We Can't Live Without Cosmos”
“Os Heróis de Sanjay”

DOCUMENTÁRIO EM CURTA-METRAGEM

“Body Team 12”
“Chau, beyond the Lines”
“Claude Lanzmann: Spectres of the Shoah”
“A Girl in the River: The Price of Forgiveness” - VENCEDOR
“Last Day of Freedom”

CURTA-METRAGEM

“Ave Maria”
“Day One”
“Everything Will Be Okay (Alles Wird Gut)”
“Shok”
“Stutterer” - VENCEDOR