PUBLICIDADE
Topo

Garry Marshall, diretor de "Uma Linda Mulher", morre aos 81 anos

20.jul.2016 - O diretor Garry Marshall -  Jordan Strauss/Invision for Geffen Playhouse/AP Images
20.jul.2016 - O diretor Garry Marshall Imagem: Jordan Strauss/Invision for Geffen Playhouse/AP Images

Do UOL, em São Paulo*

20/07/2016 00h07

Gary Marshall, diretor de “Uma Linda Mulher”, morreu nesta terça-feira (19) aos 81 anos vítima de complicações decorrentes de uma pneumonia. A notícia foi confirmada à CBS pela atriz e diretora Penny Marshall, irmã mais nova do diretor.

Além de dirigir o filme que tornou Julia Roberts famosa, Marshall ficou conhecido por ter criado séries de TV como "Happy Days" , "Laverne & Shirley" e "Mork & Mindy". Ele conseguiu cinco indicações ao Emmy e entrou para o Hall da Fama da Academia das Artes e as Ciências da Televisão em 1997.

No cinema, seus trabalhos mais famosos foram "Uma Linda Mulher", os dois "O Diário da Princesa", com Anne Hathaway e Julie Andrews, "Idas e Vindas do Amor" e "Noiva em Fuga . Marshall estava planejando um terceiro filme da série Princesa para 2017 com o elenco original.

Para muitos, "Uma Linda Mulher" é a comédia romântica por excelência. "Julia era jovem mas não tinha medo", lembrou Marshall em uma ocasião. "Vê-la crescer foi um dos meus grandes prazeres", completou. O filme arrecadou US$ 463 milhões de bilheteria e deu para a atriz o Globo de Ouro e sua segunda indicação ao Oscar após "Flores de Aço" (1989).

O presidente do sindicato de diretores dos Estados Unidos, Paris Barclay, liderou as homenagens a Marshall, destacando seu dom para contar histórias que "trouxeram alegria, risadas e grandes batidas de coração a todas as telas, grandes e pequenas".

"Foi uma honra, e um deleite, para aqueles de nós que tiveram o prazer de trabalhar com ele", disse Barclay.

Um dos seus últimos trabalhos no cinema foi o filme "O Maior Amor do Mundo", lançado em maio deste ano nos Estados Unidos. O longa, que conta a história de três gerações de mães e filhas que se reencontram na véspera do Dia das Mães, tem no elenco estrelas como Jennifer Aniston, Julia Roberts, Jason Sudeikis, Kate Hudson e Timothy Olyphant.

Julia Roberts, aliás, foi a grande parceria de Marshall em seus filmes. Além de "Uma Linda Mulher", os dois trabalharem juntos em "Noiva em Fuga" (1999), "Idas e Vindas do Amor" (2010) e no recente "O Maior Amor do Mundo" (2016).

O ator Henry Winkler, que trabalhou com Marshall em “Happy Days”, usou seu perfil no Twitter para prestar sua homenagem ao diretor. "Obrigado por minha vida profissional. Obrigado por sua lealdade, amizade e generosidade”, escreveu.

*Com informações da EFE e da AFP