Entretenimento

Atriz de Harry Potter chorou mais morte de Dumbledore do que a de seus avós

Bárbara Gutierrez e Giovanna Mel

Do UOL, em São Paulo

A atriz Evanna Lynch, a Luna Lovegood de "Harry Potter" esteve neste sábado (3) em um dos painéis mais cobiçados na Comic Con Experience 2016. Os fãs dos bruxinhos não economizaram na empolgação: a atriz conta que ao ouvir o barulho da plateia nos bastidores, pensou: "Eles sabem que eu não sou uma popstar?"

Usando um vestido cheio de estrelas e um sorriso singelo, parecia que a própria Luna estava segurando o microfone a poucos metros do público, que lotou o auditório Cinemark da CCXP.

A atriz fez parte dos quatro últimos filmes da saga "Harry Potter" e é uma fã assumida: "Eu nunca superei 'Harry Potter', até hoje estou ansiosa por 'Animais
Fantásticos e Onde Habitam', inclusive assisti o filme aqui no Brasil e  estou invejando o pessoal do elenco desta nova franquia."

Ainda no momento nostalgia sobre o filme, Lynch revela que Dumbledore, um dos personagens mais adorados da história, foi a morte que mais a chocou: "Eu chorei mais por ele do que pelos meus avós. Eu chorei por meses, coisa que não fiz nem por eles."

O futuro de Luna dentro do universo mágico criado por J.K. Rowling foi revelado pela autora e está mais relacionado à "Animais Fantásticos e Onde Habitam" do que se pode pensar. Luna se casa com Rolf Scamander e tem dois filhos gêmeos. O sobrenome não soa estranho aos fãs da história à toa.

"Na verdade, ela vira naturalista e se casa com o neto de Newth Scamander [protagonista de 'Animais Fantásticos e Onde Habitam']", diz a atriz. "Eu adoro animais, me conecto muito a eles e entendo completamente porque a Luna se casou com ele!"

História com a franquia

Atualmente com 25 anos, a irlandesa disputou o papel de Luna quando tinha apenas 14 anos e desbancou 15 mil candidatas. Durante a seleção, os produtores dos filmes e a própria J.K. Rowling ficaram impressionados com a afinidade entre a adolescente e a personagem, o que lhe rendeu um lugar nos filmes.

Quando mais nova, Lynch começou a ler "Harry Potter" e chegou a escrever várias cartas à autora. O conteúdo ia desde pedidos de ajuda para superar seus problemas alimentares até pedidos para participar de algum dos filmes da obra. A autora respondeu as cartas da garota à mão, sem saber que um dia ela se tornaria uma das atrizes escaladas.

"Eu era uma grande fã de Harry Potter e tinha muitas inseguranças", comenta Lynch. "Meus amigos na vida real não eram tão bons quanto os amigos da ficção."

Esta é a primeira vez que Lynch vem ao Brasil. A atriz estará presente na CCXP para sessões de autógrafo, fotos e meet and greet no sábado e domingo (3 e 4 de dezembro).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
Música
Da Redação
Reuters
Reuters
AFP
AFP
do UOL
do UOL
Blog da Rádio UOL
Da Redação
AFP
Página Cinco
do UOL
AFP
do UOL
Blog do Arcanjo
do UOL
UOL Música - Imagens
Cinema
Reuters
do UOL
Reuters
AFP
EFE
EFE
EFE
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog do Arcanjo
do UOL
Blog do Arcanjo
do UOL
UOL Cinema - Imagens
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Música - Imagens
UOL Entretenimento
BBC
AP
do UOL
do UOL
Blog do Arcanjo
do UOL
Topo