Topo

Filmes e séries


Ed Westwick é acusado de estupro por mais uma mulher

Deividi Correa/AgNews
Surgiu uma nova denúncia contra Ed Westwick, o Chuck Bass de 'Gossip Girl' Imagem: Deividi Correa/AgNews

Do UOL, em São Paulo

2017-11-09T10:02:35

09/11/2017 10h02

Mais uma mulher acusou Ed Westwick de estupro. A ex-atriz Aurelie Wynn denunciou o crime, que teria ocorrido em julho de 2014, por meio de um relato em seu Facebook na última quarta-feira (8).

Wynn explicou que foi convidada por uma amiga para ir à casa do namorado dela, que na época morava com o astro de “Gossip Girl”. O grupo ficou acordado até às cinco da manhã, e ela e a amiga decidiram dormir no local antes dos compromissos do dia seguinte, já que havia vários quartos na residência.

Veja mais

Assim como a atriz Kiristina Cohen, a primeira a denunciar o ator, Wynn também foi atacada enquanto estava dormindo. “Eu disse não e ele segurou meu rosto, me deixando impotente sob o peso dele. Eu estava usando um maiô, que ele rasgou. Fiquei em choque, e também sou muito pequena”, escreveu.

Aproveitando que Westwick dormiu após o ocorrido, a ex-atriz resolveu deixar o local. Ela descobriu que sua amiga já havia ido embora e precisou ligar para outra pessoa para conseguir um Uber, já que não havia sinal de internet na residência.

Wynn contou o ocorrido a seu namorado na época, o ator Mark Sailing, de “Glee” – que foi recentemente condenado por posse de pornografia infantil. “Quando ele soube por quem [fui estuprada], fingiu não conhecê-lo, me culpou e terminou comigo”, lembrou.

Outras pessoas próximas também a aconselharam a não fazer uma denúncia contra Westwick. “Me disseram que era melhor não dizer nada, não ser ‘aquela garota’, e que ninguém iria acreditar m mim, que achariam que eu só queria 10 segundos de fama. Então eu fiquei quieta e logo depois pude ver e ouvir como as histórias de abuso sexual e intimidação são prevalentes nessa indústria.”

A experiência motivou Wynn a deixar de lado a carreira como atriz. “Eu me perguntei o quanto eu realmente queria estar na indústria do entretenimento, já que eu não via a situação melhorando. E a qual custo? Desde então, eu deixei a atuação”.

Wynn encerrou seu texto elogiando Kristina Cohen, a primeira a denunciar Westwick. “Eu acredito em você, e obrigada por falar de forma tão eloquente e expor o que jovens atrizes têm que passar nas mãos de homens como Ed Westwick. Sem você, eu não teria a força para falar publicamente sobre a minha experiência”.

Após a primeira acusação, o ator se pronunciou e disse que nunca havia abusado sexualmente de alguém: "Eu não conheço essa mulher. Eu jamais me impus em qualquer situação, com qualquer mulher. Com certeza eu nunca cometi um estupro". O caso está sendo investigado pela polícia