PUBLICIDADE
Topo

Meryl Streep pode esperar a 21ª indicação ao Oscar com filme de Spielberg

Baita trio, hein? Meryl Streep, Steven Spielberg e Tom Hanks nos bastidores de "The Post" - Reprodução
Baita trio, hein? Meryl Streep, Steven Spielberg e Tom Hanks nos bastidores de "The Post" Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

28/11/2017 16h20

Os críticos internacionais correram ao Twitter para analisar, em 280 caracteres, o filme "The Post - A Guerra Secreta", novo trabalho do diretor Steven Spielberg. E, para surpresa geral da nação, não é que tão pintando mais uma indicação ao Oscar -- o 21ª da carreira -- para Meryl Streep?

O filme conta a história de Katharine Graham (Streep), a primeira editora-chefe do jornal "The Washington Post", e do editor Ben Bradlee (Tom Hamks) na tentativa de mostrarem a verdade sobre o envolvimento dos Estados Unidos na Guerra do Vietnã. 

David Ehrlich, da "IndieWire", afirmou que esse é o melhor filme do diretor desde "Munique", de 2005, e comparou a atuação da protagonista com a da atriz Holly Hunter no clássico jornalístico "Nos Bastidores da Notícia".

Adam B. Vary, do "BuzzFeed News", disse que esta é a melhor atuação de Streep em anos e elogiou o queridinho de Hollywood, Tom Hanks. Crítico do "The Atlantis", David Sims -- além de rasgar elogios para a dona de duas estatuetas de melhor atriz e uma de melhor atriz coadjuvante -- acredita que "The Post - A Guerra Secreta" vai levantar várias estatuetas douradas.

Alicia Malone, do "Fandango", disse que a produção fala muito sobre os tempos atuais, mesmo se passando na década de 70, principalmente sobre o sexismo no ambiente de trabalho e a liberdade da imprensa.

"The Post" chega aos cinemas brasileiros no dia 18 de fevereiro.