PUBLICIDADE
Topo

Estrela de "GoT" cria debate sobre atores estrangeiros ilegais em Hollywood

Nikolaj Coster-Waldau chega ao Globo de Ouro 2018 - Getty Images
Nikolaj Coster-Waldau chega ao Globo de Ouro 2018 Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

10/01/2018 20h36

O ator Nikolaj Coster-Waldau, mais conhecido por viver Jaime Lannister em "Game of Thrones", pode ter desencadeado uma investigação em Hollywood sobre atores estrangeiros, informa o "The Hollywood Reporter".

A história é a seguinte: o dinamarquês entrou na Justiça contra sua ex-agente, Jill Littman, que ainda pede comissões mesmo após ter sido demitida. Mas a questão não é apenas essa. O caso, que aparentemente seria simples, acabou gerando uma reviravolta quando a agente apresentou alguns documentos de trabalho do ator à Justiça.

Littman possui um documento que seria um acordo escrito entre sua agência e o ator detalhando como ela deveria ser paga. Sua empresa patrocinou o processo para a retirada do visto norte-americano de trabalho de Nikolaj.

Mas Michael Plonsker, advogado da estrela de "Game of Thrones", diz que o contrato assinado em 2011 não era de trabalho, e sim apenas um documento que garantiria o visto específico norte-americano. Ou seja, o contrato era apenas para ele poder entrar no país, e não especificamente de trabalho.

Littman então afirma que, caso isso seja mesmo verdade, Nikolaj cometeu fraude, já que, como seu advogado afirmou, é um crime falsificar documentos para entrar em um país. Por outro lado, Plonsker rebateu que se alguém cometeu um crime foi ela, que o fez assinar o papel para conseguir o visto.

O curioso é que o atual agente do dinamarquês, Brandon Liebman, declarou que sua empresa quis patrocinar o visto do ator na época e ainda lembrou de uma discussão em seu escritório, em 2011, com a própria Littman para fazer um acordo sobre a situação do astro estrangeiro.

Nem a própria Justiça sabe de quem a culpa, de Nikolaj ou de Littman. A questão que fica na indústria é que, caso essas "falsificações" sejam corriqueiras, quantos outros astros do cinema e da televisão são ajudados por agentes para conseguir entrar nos Estados Unidos?