Filmes e séries

Warner Bros. dá seu ok à realização de dois filmes "Hobbit"

AFP
Peter Jackson, diretor da trilogia "O Senhor dos Anéis", também vai dirigir o filme "O Hobbit" Imagem: AFP

Por Bob Tourtellotte

LOS ANGELES - (Reuters) - A Warner Bros. disse na sexta-feira que deu sinal verde para o início das filmagens de dois filmes baseados no livro "O Hobbit", de J.R.R. Tolkien, pondo fim a meses de especulação sobre a possibilidade de a história finalmente virar um filme de Hollywood.

Peter Jackson, que dirigiu o sucesso de bilheteria "Senhor dos Anéis", trilogia que tem alguns dos mesmos personagens de "The Hobbit", estará à frente do filme, que começa a ser produzido em fevereiro, disse a Warner Bros.

Jackson co-escreveu os roteiros com Fran Walsh, Philippa Boyens e o diretor Guillermo del Toro.

"Explorar o mundo de Tolkien vai muito além de uma experiência cinematográfica normal", disse Jackson em comunicado.

"É uma viagem até um lugar muito especial de imaginação, beleza e drama. Estamos ansiosos para tornar a entrar nesse maravilhoso mundo com Gandalf e Bilbo."

O filme, uma co-produção da Warner Bros, da sua nova divisão de produção New Line Cinema e da Metro-Goldwyn-Meyer, estava parado na etapa de pré-produção há meses por causa das dificuldades financeiras enfrentadas pela MGM.

Inicialmente, del Toro havia sido chamado para dirigir e Jackson para produzir o filme mas, por causa dos atrasos, del Toro teve de abandonar o projeto em maio, para cuidar de outros compromissos.

A Warner Bros e a MGM fizeram um acordo que permite que a MGM cubra a sua metade dos custos de produção, estimados em 500 milhões de dólares, o que inclui gastos com as filmagens em 3D, de acordo com declarações dadas ao jornal especializado em show business, The Hollywood Reporter.

"The Hobbit" é baseado nas aventuras de Bilbo Bolseiro, um hobbit que mora na Terra Média, que é cheia de magos, elfos e outros personagens fantasiosos. Bilbo sai em busca de um tesouro guardado por um dragão.

O livro, que foi publicado pela primeira vez em 1937, é o precursor da trilogia "Senhor dos Anéis," que também acontece na Terra do Meio-mundo.

A trilogia dos "Anéis" arrecadou quase 3 bilhões de dólares no mundo inteiro, e, em 2003, o capítulo final, "O retorno do Rei" encantou a Academia, e levou o Oscar das 11 categorias em que concorreu ao prêmio, incluindo o de melhor filme.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

EFE
do UOL
Roberto Sadovski
Blog do Matias
do UOL
AFP
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Roberto Sadovski
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
EFE
Colunas - Flavio Ricco
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
Cinema
Blog do Nilson Xavier
do UOL
Reuters
EFE
AFP
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Da Redação
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
do UOL
Colunas - Flavio Ricco
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Colunas - Flavio Ricco
Topo