Filmes e séries

Vida e casamento de Saramago são temas de "José e Pilar"

Divulgação
O escritor José Saramargo com sua esposa, a jornalista Pilar Del Rio, em cena de ''José e Pilar'' Imagem: Divulgação

SÃO PAULO (Reuters) - Mesmo sendo um documentário, "José e Pilar" é um dos filmes mais românticos a que se pode assistir -- porque a força do amor de mais de duas décadas entre o escritor português José Saramago (falecido em junho de 2010) e a jornalista espanhola Pilar Del Río afirma-se pela capacidade que o diretor português Miguel Gonçalves Mendes mostra ao capturar momentos qualificados desse relacionamento.

Coprodução entre o Brasil, Espanha e Portugal, o filme entra em circuito nacional. Todos conhecem, mal ou bem, alguma coisa sobre o José Saramago vencedor do Prêmio Nobel de Literatura em 1998 -- único, até agora, para a língua portuguesa --, autor de livros como "Memorial do Convento", "O Ano da Morte de Ricardo Reis", "Ensaio sobre a Cegueira" (levado às telas do cinema pelo brasileiro Fernando Meirelles, um dos produtores deste documentário), "o Evangelho segundo Jesus Cristo", "Caim", e tantos outros.

O homem sincero e humanista que despertava polêmica em alguns círculos por sua completa adesão ao ateísmo e ao esquerdismo. Convicções essas que levaram não poucos a dirigir-lhe cartas assustadoramente agressivas -- como uma mencionada no filme, em que uma pessoa "lamenta que não exista mais a inquisição, para vê-lo arder em praça pública numa fogueira".

TRAILER DE "JOSÉ E PILAR"

Nem todos conhecem tão bem quanto este documentário permite agora o caráter de Pilar Del Río, que emerge das imagens muito maior do que a mera "mulher atrás do grande homem".

Personalidade forte, tão franca e engajada quanto o marido, Pilar mostra-se uma interlocutora à altura de Saramago, com quem ele discutia todos os assuntos. Uma conselheira para todas as horas, com capacidade de discordar dele furiosamente -- como se vê numa conversa entre os dois, na casa de amigos, sobre as então iminentes eleições norte- americanas, ele a favor da candidatura de Barack Obama, ela defendendo com unhas e dentes Hillary Clinton, que então disputava com o hoje presidente a indicação pelo Partido Democrata.

Seja na paisagem de beleza selvagem da ilha de Lanzarote, onde o casal viveu nos últimos anos, seja viajando pelo mundo, é possível compartilhar a rotina fértil e frenética do escritor e da jornalista -- que traduzia para o espanhol os livros do marido, quase simultaneamente à sua escritura.

Para Pilar, numa declaração singularmente esclarecedora de sua natureza, "cansaço não existe". Por isso, ela e Saramago aceitavam tantos convites para palestras, congressos e o acompanhamento de algumas adaptações de sua obra em outros meios.

Duas destas viagens comprovam o enorme alcance da obra do autor português -- uma ópera na Finlândia, sobre personagens tirados de "Memorial do Convento"; e uma peça no México em torno de "As intermitências da morte", em que Saramago contracena, no próprio papel, com o ator Gael García Bernal.

Uma conversa com Bernal e diversos lançamentos de livros permitem testemunhar alguns comportamentos espantosos diante da celebridade, este um inquietante mal de nossos tempos. Os mais constrangedores estão nos pedidos exóticos dos fãs do escritor. O mais estranho deles, talvez, o de um jovem brasileiro, que pede a Saramago que lhe desenhe um hipopótamo no livro que está para autografar.

(Por Neusa Barbosa, do Cineweb)

* As opiniões expressas são responsabilidade do Cineweb

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
AFP
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Roberto Sadovski
UOL Cinema - Imagens
do UOL
redetv
do UOL
EFE
Colunas - Flavio Ricco
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
Cinema
redetv
redetv
redetv
redetv
Blog do Nilson Xavier
do UOL
Reuters
EFE
AFP
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Da Redação
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
do UOL
Colunas - Flavio Ricco
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo