Filmes e séries

Indicado ao Oscar de filme estrangeiro, "Incêndios" une amor e política no Oriente Médio

"Incêndios", de Denis Villeneuve, representante canadense na competição pelo Oscar de filme estrangeiro no domingo, poderia facilmente ter obtido também uma indicação de melhor atriz para a belga Lubna Azabal. Ela interpreta a protagonista, Nawal Marwan, enredada numa trágica história, unindo amor e política no Oriente Médio.

O autor da peça que inspirou o filme é o libanês radicado no Canadá Wadji Mouawad. Por isso, torna-se claro que as referências políticas de "Incêndios" são do Líbano, embora o filme nunca identifique claramente o país de origem de seus acontecimentos.

O enredo tem seu ponto de partida no Canadá, onde um tabelião, Jean Lebel (Rémy Girard, de "As Invasões Bárbaras"), convoca ao seu escritório os irmãos gêmeos Simon (Maxim Gaudette) e Jeanne Marwan (Mélissa Désormeaux-Poulin) para a leitura do testamento da mãe, Nawal.

Nawal deixou expressa uma estranha condição - que seu sepultamento não seja completado antes que os filhos entreguem duas cartas. Uma, para um irmão, cuja existência desconheciam. Outra para o pai, que julgavam morto.

TRAILER DO FILME ''INCÊNDIOS''

Simon quer rebelar-se contra as instruções. Mas Jeanne decide rapidamente buscar as pistas necessárias para cumprir a vontade da mãe. Nesta tarefa, encontra os indícios que vão, pouco a pouco, reconstituindo a impressionante biografia de sua mãe.

Ainda jovem, Narwan engravidou do namorado, que foi morto por seu irmão, por desonrá-la. Ela mesma só não foi morta por ter sido protegida pela avó, permanecendo em casa por todo o período da gravidez.

Quando dá à luz um menino, é obrigada a renunciar a ele e partir. Ela nunca desistirá de procurá-lo em orfanatos e campos de refugiados num país abalado por guerras religiosas, opondo cristãos e muçulmanos. Narwan é cristã e, não raro, tem que ocultar o crucifixo que carrega no pescoço para salvar sua vida.

Vivendo em tempos de conflagração, a própria Narwan envolve-se na luta política e termina sendo presa. Um duríssimo período na prisão dá origem a desdobramentos ainda mais dramáticos na história da mulher.

Dificilmente alguém vai antecipar a intrincada conclusão da trama, que revela de maneira contundente segredos do passado de Narwan e do próprio nascimento de seus filhos. "Incêndios" sintetiza de forma exemplar como os ódios religiosos e os desmandos políticos podem transformar em tragédia a vida de muitos.

(Por Neusa Barbosa, do Cineweb)

* As opiniões expressas são responsabilidade do Cineweb

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

EFE
do UOL
AFP
do UOL
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
do UOL
Da Redação
TV e Famosos
UOL Cinema - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Reuters
UOL Entretenimento
EFE
EFE
UOL Cinema - Imagens
do UOL
UOL Cinema - Imagens
TV e Famosos
Erratas
UOL Entretenimento
TV e Famosos
do UOL
TV e Famosos
do UOL
do UOL
TV e Famosos
do UOL
Reuters
EFE
do UOL
EFE
Reuters
Reuters
TV e Famosos
do UOL
Topo