UOL Entretenimento Cinema
 

Ficha completa do filme

Drama

Um Bonde Chamado Desejo (1995)

Resenha por Rubens Ewald Filho

Rubens Ewald Filho

Especial para o UOL Cinema 01/01/2003
Nota 1

O texto clássico de Tennesee Williams teve várias versões para o cinema, desde a original chamada "Uma Rua Chamada Pecado" com Marlon Brando, Vivien Leigh, Karl Malden e Kim Hunter, dirigido por Kazan em 1951.

Mas como era em preto e branco e teve cortes da censura, foi refeito mais tarde, para a TV, em 1984, com Ann-Margret e Treat Williams, e nesta versão que reproduziu uma remontagem de sucesso na Broadway, onde os críticos elogiaram muito Jéssica, mas Alec passou em branco.

Curioso, porque aqui acontece justamente o oposto: Jessica está artificial e falsa e Baldwin, embora não pareça a pessoa ideal para o personagem, consegue passar naturalidade e verdade. O texto aqui é mostrado em sua totalidade, mas sem ousadias; é poético e delicado, uma obra-prima.

A direção faz muito em não incomodar, assumindo que é teatro filmado e registro de uma performance (mas feita em estúdio e em película). Foi indicado para Emmys de Ator, Atriz, Coadjuvante (Goodman) e Direção de Arte. Ganhou Globo de Ouro de Atriz (Baldwin foi indicado). No Screen Actors Guild, apenas Baldwin foi indicado.

Compartilhe:

    Siga UOL Cinema

    Sites e Revistas

    Arquivo