15/10/2011 - 14h07

Robert Downey Jr. pede para Hollywood perdoar Mel Gibson

Da Redação

Por sua carreira no cinema, o ator Robert Downey Jr. foi homenageado no 25º American Cinematheque Award, realizado em Beverly Hills, na noite desta sexta-feira (14). Outras estrelas, como Martin Scorsese, Steven Spielberg, Al Pacino e Julia Roberts, já foram agraciados pelo mesmo prêmio.

Downey Jr. escolheu receber a homenagem das mãos do ator Mel Gibson, que o ajudou a sair das drogas e retomar a carreira de ator na década de 1990. "Quando eu não conseguia estar sóbrio, Mel me ajudou", disse ele ao subir ao palco.

Downey Jr. ainda disse que Gibson o incentivou a assumir a responsabilidade por seus erros: "Mel disse que eu deveria abraçar o cacto". No final de seu discurso, Downey fez um apelo à indústria cinematográfica em favor de Gibson, que vem se envolvendo em polêmicas relacionadas ao excesso de álcool. "Mel já está abraçado ao cacto por muito tempo. Vocês devem perdoá-lo e deixá-lo trabalhar", disse o ator de "O Homem de Ferro". Jennifer Aniston, Jodie Foster, Michael Douglas e Jack Black também subiram ao palco para homenagear Downey Jr.