Cena do filme "A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 1", que mostra o casamento de Bella (Kristen Stewart) e Edward (Robert Pattinson)

Cena do filme "A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 1", que mostra o casamento de Bella (Kristen Stewart) e Edward (Robert Pattinson)

20/11/2011 - 21h59

No Brasil, "Amanhecer - Parte 1" pode bater bilheteria de último "Harry Potter"

 

Lançado simultaneamente em mais de 1100 salas de cinema no Brasil, "Amanhecer - Parte 1" é a maior estréia de 2011 e pode superar a bilheteria do último "Harry Potter" no país.

O filme já foi visto por mais de 600 mil brasileiros. O número total de expectadores pode chegar a 1.670.000 pessoas, segundo estimativa da Paris Filmes.

"Harry Potter e as Relíquias da Morte" foi assistido por 1.563.000 brasileiros em seu fim de semana de estréia. A animação "Rio", por sua vez, teve 1.134.000 expectadores em seu primeiro fim de semana de exibição no Brasil.

Superou expectativas

Segundo a Reuters, a estreia de "Amanhecer - Parte 1" na América do Norte só foi superada pelo último filme de Harry Potter. Por lá, o episódio final da série arrecadou num fim de semana de julho 169 milhões de dólares.

"Amanhecer,", que gerou 139,5 milhóes de dólares, no entanto, não bateu a estreia recorde da saga Crepúsculo, "Lua Nova," que levantou 142,8 milhões de dólares em 2009.

O desempenho superou as previsões do estúdio para o filme no qual a humana Bella se casa com o vampiro Edward e fica grávida. A Summit tinha estimado arrecadar 125 milhões de dólares nos Estados Unidos e no Canadá. Analistas chegaram a prever 140 milhões.

Cerca de 80 por centro do público da saga, baseada nos romances de Stephanie Meyer, é feminino. "Crepúsculo" é uma das franquias mais lucrativas de Hollywood. A segunda parte de "Amanhecer" deve chegar aos cinemas em 2012.